Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da composição química da polpa e fibra do fruto de Cocos nucifera (Arecaceae)

Processo: 14/26247-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Wagner Vilegas
Beneficiário:Marina Marconi dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB-CLP). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus Experimental do Litoral Paulista. São Vicente , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/52237-9 - Fitoterápicos padronizados como alvo para o tratamento de doenças crônicas, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Cromatografia   Medicamentos fitoterápicos   Fitoquímica   Meio ambiente   Composição química   Arecaceae   Espectrometria

Resumo

Cocos nucifera faz parte da família Arecaceae, e é uma palmeira muito conhecida pelo seu fruto, popularmente conhecido como coco verde. Ele possui alto valor econômico, pois sua água e polpa são amplamente consumidas no litoral brasileiro. Entretanto, seu consumo em larga escala gera uma quantidade exorbitante de lixo orgânico, já que a sua casca é quase que completamente descartada após o consumo. Portanto, o presente trabalho tem por objetivo principal encontrar maneiras de reutilizar e diminuir os resíduos gerados pelo comércio do coco verde. Primeiramente, deve-se determinar a composição química da polpa e da fibra do coco, através de análises cromatográficas e espectrométricas e, por conseguinte, efetuar testes para avaliar e comprovar possíveis atividades biológicas, por meio de ensaios biológicos que observem atividades antifúngica e antioxidante dos possíveis compostos encontrados nas análises química.