Busca avançada
Ano de início
Entree

Morte bacteriana e fagocitose por fagócitos lácteos de distintos isolados de estafilococos associados aos bovinos em vacas leiteiras primíparas e multíparas

Processo: 16/06297-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2016
Vigência (Término): 30 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Fernando Nogueira de Souza
Beneficiário:Paula Cristina Cardoso Molinari
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Staphylococcus aureus   Mastite bovina   Resposta imune   Fagocitose   Anti-infecciosos   Glândulas mamárias animais

Resumo

A mastite é a enfermidade de maior impacto econômico na pecuária leiteira mundial, e está associada ao bem-estar animal e a saúde pública devido ao risco de resíduos antimicrobianos no leite e à resistência bacteriana aos antimicrobianos. Considerando que a completa eliminação do uso de antimicrobianos nos rebanhos leiteiros não é uma realidade, a redução do seu uso é recomendada. Diante deste ponto de vista, ferramentas que permitem o aumento da capacidade do animal de resistir às infecções intramamárias são cruciais. No entanto, o maior obstáculo para o estabelecimento deste tipo de estratégia é a carência de estudos dos aspectos da interação dos distintos patógenos causadores de mastite e o hospedeiro. Neste contexto, sabe-se que os fagócitos, como os neutrófilos e os macrófagos, são essenciais para a defesa da glândula mamária, apresentando importante funções como a fagocitose e a morte dos patógenos invasores. Dentre os patógenos causadores de mastite bovina, destacam-se as bactérias do gênero estafilococos que são divididas em estafilococos coagulase-positivos, sendo Staphylococcus aureus considerado o principal patógeno associado à mastite bovina, e estafilococos coagulase-negativos que compreendem as espécies bacterianas mais frequentemente isoladas de amostras de leite em novilhas e vacas leiteiras em várias regiões e países do mundo. Desta forma, o presente estudo buscar-se-á avaliar diferenças entre os distintos isolados de estafilococos associados aos bovinos de resistir à fagocitose e à morte bacteriana pelos neutrófilos. Além disto, a função dos fagócitos (fagocitose pelos neutrófilos e macrófagos, morte bacteriana pelos fagócitos) em vacas primíparas e multíparas será investigada. (AU)