Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das reações de eletro-oxidação de etanol e glicerol em eletrodos monocristalinos de platina e ouro modificados superficialmente

Processo: 16/13100-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2016
Vigência (Término): 31 de outubro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Germano Tremiliosi Filho
Beneficiário:Amaury Franklin Benvindo Barbosa
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/16930-7 - Eletrocatálise V: processos eletrocatalíticos de interconversão entre as energias química e elétrica, AP.TEM
Assunto(s):Eletroquímica

Resumo

Na reação de eletro-oxidação de álcoois, o entendimento a nível atômico da interação entre as moléculas do álcool e os sítios ativos do catalisador é absolutamente importante para desenvolver catalisadores mais tolerantes com respeito ao envenenamento causado por intermediários fortemente adsorvidos e, além disso, mais seletivo para a formação de CO2, o qual é o produto de rendimento energético máximo, ou outro produto de alto valor comercial (caso dos produtos da oxidação parcial). Este conhecimento é extremamente importante para melhorar a aplicação das células a combustível direta de álcool (DAFCs, do inglês, direct alcohol fuel cells) para a cogeração de energia elétrica e produtos de alto valor comercial. Desta forma, o presente projeto consiste em investigar a influência da estrutura superficial do eletrodo frente ao mecanismo de eletro-oxidação do etanol e glicerol, usando eletrodos modelos de Pt e Au (monocristais), bem ordenados ou com defeitos superficiais randômicos, em meio aquoso ácido e alcalino. Na primeira etapa deste projeto será empregada a técnica de voltametria cíclica (técnica eletroanalítica potenciodinâmica) para estudar o comportamento eletroquímico da oxidação destes álcoois sobre os eletrodos monocristalinos bem ordenados ou com defeitos superficiais randômicos. Na segunda etapa, será feita a identificação e quantificação dos intermediários e produtos da reação de oxidação do etanol e glicerol sobre estes eletrodos com diferentes morfologias dos átomos superficiais. Estas identificações serão realizadas, in situ, em função do potencial aplicado ao eletrodo de trabalho, combinando voltametria cíclica ou cronoamperometria com espectroscopia de infravermelho com transformada de Fourier (FTIRS, do inglês, Fourier transform infrared spectroscopy). A fim de complementar as análises de FTIRS serão feitas análises dos produtos de reação por meio da cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC, do inglês, high performance liquid chromatography) ou da cromatografia de íons (IC, do inglês, ion chromatography), após longos tempos de eletrólises em potenciais determinados a partir dos perfis voltamétricos da oxidação do álcool. Por último, será proposto um mecanismo reacional da oxidação destes álcoois com base nos resultados obtidos.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BARBOSA, AMAURY F. B.; DEL COLLE, VINICIUS; GOMEZ-MARIN, ANA M.; ANGELUCCI, CAMILO A.; TREMILIOSI-FILHO, GERMANO. Effect of the Random Defects Generated on the Surface of Pt(111) on the Electro-oxidation of Ethanol: An Electrochemical Study. ChemPhysChem, v. 20, n. 22, SI AUG 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.