Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização da componente carbonácea e íons secundários do material particulado

Processo: 17/07468-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2017
Vigência (Término): 30 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Pérola de Castro Vasconcellos
Beneficiário:Danilo Custódio Jorge
Supervisor no Exterior: Celia dos Anjos Alves
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidade de Aveiro (UA), Portugal  
Vinculado à bolsa:16/17936-7 - Aerossol secundário: precursores e contribuição para o material particulado atmosférico, BP.PD
Assunto(s):Química atmosférica   Qualidade do ar

Resumo

O material particulado possui fontes diversas e uma importante fração advém de processos secundários, no entanto muito pouco é conhecido sobre a magnitude desta contribuição e também sobre os compostos precursores. O estagio em Aveiro será essencialmente voltado a análise química do material particulado essencial para construir um entendimento dos processos físico-químicos que governam a formação e a magnitude dos aerossóis secundários em ambiente urbano e florestal remoto. Para atingir os objetivos do projeto "Aerossol Secundário: Precursores e contribuição para o MP", as tarefas a serem desenvolvidos no CESAM (Centro de Estudos do Ambiente e do Mar - laboratório associado da Universidade de Aveiro), são de fundamental importância pois diversos métodos analíticos que permitem acessar a composição do material particulado serão utilizados. Uma combinação de esforços em caracterização química será realizada para atingir os objetivos deste projeto. As considerações gerais podem ser descritas pelo desenvolvimento de análises de laboratório para investigar os principais compostos secundários como amônio, nitrato, sulfato não marinho, ácidos orgânicos entre outros compostos oxigenados. Sendo um dos objetivos do projeto determinar a contribuição de precursores biogênicos e antropogênicos para a formação do aerossol secundário atmosférico. O impacto esperado destas análises será relevante na identificação de fontes de material particulado além da magnitude das fontes secundárias e na compreensão dos efeitos antropogênicos secundários no clima. Os resultados destas análises permitirão a aplicação do PMF (Positive Matrix Factorization) cujos resultados à melhores avaliações e decisões em ações a serem tomadas no futuro em relação às políticas nas questões de clima e saúde pública.