Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel de MIF no intestino de cães com Leishmaniose Visceral

Processo: 16/15725-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2017
Vigência (Término): 15 de maio de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Rosemeri de Oliveira Vasconcelos
Beneficiário:Jéssica Dias Basso
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Enterite   Carga parasitária   Cães   Leishmaniose visceral animal   Fatores inibidores da migração de macrófagos

Resumo

A Leishmaniose Visceral (LV) é causada pelo protozoário Leishmania infantum, que a partir de sua inoculação no sítio cutâneo primário do cão, pode infectar vários órgãos, causando um desequilíbrio do sistema imune. O intestino é um destes órgãos, apresentando enterite crônica. A citocina MIF (Fator Inibidor da Migração de Macrófagos) é muito estudada nas doenças entéricas crônicas do homem. O objetivo deste estudo será analisar a presença desta citocina nos diferentes segmentos do intestino delgado e grosso de cães com LV, considerando a carga parasitária, a densidade de células imunomarcadas para MIF e a intensidade e perfil celular do processo inflamatório. Portanto, pretende-se utilizar 20 cães naturalmente infectados, de área endêmica para LV (grupo infectado) e cinco cães de área não endêmica (grupo controle). Os segmentos de intestino serão submetidos as análises histopatológica e imunohistoquímica. A carga parasitária (soro hiperimune de cão soropositivo) e a presença de MIF (Santa Cruz, SC 20121) serão determinadas pelo Complexo de Polímeros ligados a Peroxidase. Espera-se que estes resultados possam contribuir com a patogenia da LV canina, pois a presença de MIF poderia explicar a resistência ou susceptibilidade do intestino à multiplicação do parasito. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: