Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação citogenômica em pacientes com atraso de desenvolvimento global e mosaicismo pigmentar

Processo: 18/20936-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Leslie Domenici Kulikowski
Beneficiário:Yanca Gasparini de Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Citogenética   Cariotipagem   Biologia molecular   Transtornos globais do desenvolvimento infantil   Mosaicismo   Polimorfismo de um único nucleotídeo

Resumo

O mosaicismo é um fenômeno relativamente frequente na população em geral, e apresenta um fenótipo clínico abrangente. Na literatura, é descrito o mosaicismo pigmentar que possui padrões variados de pigmentação na pele causada pela heterogeneidade genética das células da pele. Em um número substancial de casos, o mosaicismo pigmentar é observado concomitantemente com anormalidades extra cutâneas, tipicamente envolvendo o sistema nervoso central e musculoesquelético, sendo comumente relatada a presença de manchas cutâneas pigmentares em pacientes com deficiência intelectual, dismorfismos faciais e atraso de desenvolvimento global. Esta variedade de fenótipos está relacionada à porcentagem de mosaicismo presente em um mesmo indivíduo, seja no mesmo tecido ou em tecidos distintos, e esta porcentagem também é responsável por minimizar fenótipos clínicos que, em estado de não mosaico, poderiam ser mais abrangentes. Isso dependerá do tipo de alteração genômica, do tecido de origem e do período de desenvolvimento em que surgiu uma nova linhagem celular. O mosaicismo pode resultar de diferentes mecanismos, incluindo a não disjunção cromossômica, atraso anafásico, endorreplicação e mutações genéticas que ocorreram durante o desenvolvimento. O mosaicismo pode ser identificado citogeneticamente, entretanto a caracterização molecular simultânea ou em tecidos distintos ainda representa um desafio. Portanto, nosso estudo irá investigar a presença de alterações citogenômicas em amostras de saliva, sangue e pele de 20 pacientes com atraso de desenvolvimento global e mosaicismo pigmentar, com objetivo de compreender de maneira mais acurada os mecanismos do surgimento dessas anormalidades, bem como sua associação com as manifestações clínicas. (AU)