Busca avançada
Ano de início
Entree

Desempenho motor em uma tarefa virtual de tempo coincidente em pessoas com deficiência visual

Processo: 19/11465-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2019
Vigência (Término): 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Pesquisador responsável:Maria Georgina Marques Tonello
Beneficiário:Patrícia Cruz Borges
Instituição-sede: FACULDADE PSICOLOG/PSICOLOG
Assunto(s):Educação especial   Desempenho motor   Pessoas com deficiência visual   Transtornos da visão   Realidade virtual   Aprendizagem   Atividade motora   Entrevistas (psicologia)

Resumo

A realidade virtual (RV) começou a ser utilizadas como uma ferramenta de avaliação e intervenção na reabilitação para pessoas com deficiências. Uma das capacidades que podem ser avaliadas através da RV é o Tempo Coincidente (TC), que é a capacidade perceptual-motora para executar uma resposta motora em sincronia com a chegada de um objeto externo. As pessoas com DV necessitam dessa sincronização dos movimentos com objetos externos tanto em suas atividades de vida diária como atravessar uma rua, quanto em atividades de lazer e prática de esportes. Dessa forma, o objetivo do presente estudo é investigar o desempenho de indivíduos com DV em uma tarefa de tempo coincidente de RV. Participarão desse estudo 40 indivíduos, 20 pessoas com DV e 20 pessoas videntes de ambos os sexos acima de 18 anos de idade. O estudo será realizado em uma instituição para cegos e em uma universidade, ambas localizadas em uma cidade do interior de São Paulo. Será empregada uma entrevista semiestruturada e uma análise de funcionalidade e independência através da escala do Índice de Katz e uma tarefa virtual de TC. Os materiais utilizados serão um notebook e um Software de tarefa de TC. A variável dependente a ser utilizada será o erro de tempo. Os resultados desta pesquisa auxiliarão no desenvolvimento de programas de reabilitação para as pessoas com DV utilizando os avanços tecnológicos, não somente como facilitador de execução da tarefa, mas também como instrumento que viabilize melhoras funcionais para tarefas reais do dia a dia. (AU)