Busca avançada
Ano de início
Entree


Participação do receptor GPER-1 na neuroproteção mediada por estrógeno em modelo de isquemia por privação de glicose/oxigênio em células corticais cerebrais.

Texto completo
Autor(es):
Dielly Catrina Favacho Lopes
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas
Data de defesa:
Membros da banca:
Carolina Demarchi Munhoz; Niels Olsen Saraiva Câmara; Catarina Segreti Porto; Deborah Schechtman; Andréa da Silva Torrão
Orientador: Carolina Demarchi Munhoz
Resumo

O estrógeno é importante para o desenvolvimento de redes neuronais. Assim, investigamos mecanismos celulares relacionados à neuroproteção, através da sinalização rápida mediada pelo GPER-1 em cultura mistas e enriquecida de neurônios submetidas ou não à privação de glicose/oxigênio (PGO). Mostramos que as células corticais em cultura expressam o receptor GPER-1 e esta marcação encontra-se dispersa tanto no citosol como no núcleo. Nossos resultados mostraram que a proteção, via sinalização estrogênica, foi dependente da composição celular. A ausência da sinalização via GPER-1 previamente à PGO aumentou a morte celular induzida pela PGO, sugerindo que o bloqueio desta sinalização via GPER-1 pode estar relacionado ao pior prognóstico de lesões isquêmicas, e a suplementação com G1 no meio de cultura durante a privação e reperfusão atenuaram estes efeitos. Além disso, nossos resultados apontam para a influência das células da glia como mediadores do papel neuroprotetor, via sinalização estrogênica não-nuclear, neste contexto de privação de glicose/oxigênio. (AU)

Processo FAPESP: 10/51409-8 - Participacao do receptor gper-1 na neuroprotecao mediada por estrogeno em modelo de isquemia por privacao de glicose/oxigenio em celulas corticais cerebrais.
Beneficiário:Dielly Catrina Favacho Lopes
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado