Busca avançada
Ano de início
Entree


Papel dos mecanismos de reparo de DNA na resposta de Pseudomonas aeruginosa aos antimicrobianos Cirprofloxacina e Ceftazidima.

Texto completo
Autor(es):
Letícia Busato Migliorini
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas
Data de defesa:
Membros da banca:
Rodrigo da Silva Galhardo; Regina Lúcia Baldini; Henrique Ferreira; Rita de Cassia Cafe Ferreira
Orientador: Rodrigo da Silva Galhardo
Resumo

Pseudomonas aeruginosa é um patógeno humano que tem preocupado a comunidade científica pelo aumento da resistência antimicrobiana. Os efeitos provocados pelos antimicrobianos podem levar à ativação de respostas mutagênicas que regulam polimerases de baixa fidelidade, atuando na Síntese Translesão de DNA (TLS). Neste trabalho, avaliamos a resposta de P. aeruginosa frente à Ceftazidima e Ciprofloxacina. Foi observado que Ceftazidima não induz a resposta SOS e mutagênese, diferentemente de Ciprofloxacina. Demonstramos que as três polimerases de TLS estão envolvidas na mutagênese induzida por Ciprofloxacina e peróxido de hidrogênio. Também, observamos que a perda de qualquer uma das polimerases alterou significativamente o espectro de mutações espontâneas e induzidas por Ciprofloxacina e que possuem funções redundantes neste processo mutagênico. Assim, demonstramos que as polimerases de TLS são importantes para a mutagênese induzida por Ciprofloxacina em P. aeruginosa, e podem estar implicadas na mutagênese adaptativa e, consequentemente, na resistência bacteriana. (AU)

Processo FAPESP: 15/18886-0 - Papel dos Mecanismos de Reparo de DNA na resposta de Pseudomonas aeruginosa aos antimicrobianos ciprofloxacina e Ceftazidima
Beneficiário:Letícia Busato Migliorini
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado