Busca avançada
Ano de início
Entree


Ausência de escapes mutantes para o medicamento palivizumab® do Vírus Respiratório Sincicial Humano (hRSV) circulante, na cidade de São Paulo durante o ano de 2004.

Texto completo
Autor(es):
Patrícia Alves Ramos Bosso
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas
Data de defesa:
Membros da banca:
Edison Luiz Durigon; João Manuel Grisi Candeias; Antônio José Piantino Ferreira; José Antonio Jerez; César Augusto Dinóla Pereira
Orientador: Edison Luiz Durigon
Resumo

O Vírus Respiratório Sincicial Humano (hRSV) é o patógeno mais comumente associado à doença do trato respiratório inferior em lactentes e crianças. Altas taxas de admissão hospitalar, freqüência de casos e severidade da doenças foi demonstrado em crianças abaixo de dois anos de vida. A freqüência de casos positivos durante o ano de 2004 foi de 43% (188/435) das amostras coletadas no Hospital Universitário/USP na cidade de São Paulo e os isolados brasileiros do grupo A e B agruparam-se nos genótipos previamente caracterizados: GA2, GA5, SAB1, SAB4 e BA like, respectivamente. Palivizumab (PZ) é atualmente o único anticorpo monoclonal disponível para uso em humanos para infecções causadas pelo HRSV. Foi observado o surgimento de escapes mutantes ao PZ in vivo e in vitro, sendo que estas mutações no gene F determinam resistência ao palivizumab. Nós avaliamos através de seqüenciamento da região F1 a ocorrência de escapes mutantes em aspirados de nasofaringe. Realizamos RT-PCR para amplificação de fragmentos do gene F e as seqüências de nucleotídeos foram determinadas. As 30 seqüências analisadas não revelaram mutações ao PZ e através desses dados podemos aferir que o PZ usado profilaticamente em grupos específicos da população é eficaz. (AU)

Processo FAPESP: 03/08124-9 - Variabilidade genética do gene F do vírus respiratório sincicial humano (HRSV) circulantes na Cidade de São Paulo durante os anos de 2003-2005
Beneficiário:Patricia Alves Ramos Bosso
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado