Busca avançada
Ano de início
Entree


Avaliação da virulência micobacteriana e modulação da resposta imune durante a infecção por isolados clínicos de Mycobacterium bovis e Mycobacterium tuberculosis.

Texto completo
Autor(es):
Eduardo Pinheiro Amaral
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas
Data de defesa:
Membros da banca:
Maria Regina D'Imperio Lima; Jose Alexandre Marzagao Barbuto; Vania Luiza Deperon Bonato Martins
Orientador: Maria Regina D'Imperio Lima
Resumo

A tuberculose é considerada um problema emergente de saúde pública. Este estudo tem como objetivo avaliar a associação da patogenicidade/virulência e propriedades imunomoduladoras de isolados clínicos de Mbv (cepas B2 e MP287/03) e Mtb (cepa Beijing 1471), e da cepa de Mtb H37Rv, como referência de virulência. Os isolados, MP287/03 e Beijing 1471, apresentaram maior virulência em relação às demais cepas, levando os camundongos à morte ainda na fase aguda de infecção. Foi verificada baixa produção de mediadores pró-inflamatórios nos animais infectados com o isolado MP287/03, enquanto nos infectados com o isolado Beijing 1471 os níveis destes mediadores foram exacerbados. O desbalanço na produção destes mediadores pode ter contribuído para morte precoce dos animais. Baseado nesse estudo, nós podemos concluir que as propriedades que conferem hipervirulência aos isolados clínicos de Mbv e Mtb estão principalmente relacionadas à alta capacidade de crescimento intracelular das bactérias, que parece ser pouco alterada pela presença de citocinas pró-inflamatórias. Sendo assim, as infecções por isolados hipervirulentos podem acarretar consequências semelhantes, mesmo quando associadas a diferentes padrões de modulação da resposta imune. (AU)

Processo FAPESP: 09/02696-7 - Modelo animal para análise da patogenicidade de cepas de Mycobacterium bovis e avaliação da resposta imune celular e humoral contra isolados patogênicos
Beneficiário:Eduardo Pinheiro Amaral
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado