Busca avançada
Ano de início
Entree


Análise funcional de genes de Xanthomonas axonopodis pv. citri implicados na patogênese

Texto completo
Autor(es):
Marcelo Luiz de Laia
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: Jaboticabal. 322 f.
Instituição: Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias.
Data de defesa:
Membros da banca:
Acelino Couto Alfenas; Shaker Chuck Parah; Eliana Gertrudes Macedo Lemos; Maria Helena de Souza Goldman
Orientador: Jesus Aparecido Ferro; Julio Cezar Franco de Oliveira
Resumo

Xanthomonas axonopodis pv. citri (Xac) constitui um dos principais patógenos da citricultura mundial. Essa litobactéria causa cancro em folhas. ramos e frutos de citros em geral. ocasionando grandes perda econômicas anuais. A fim de estudar a interação dessa bactéria com seu hospedeiro empregou-se a análise de mutantes e da expressão gênica global por meio de microarranjos de DNA (transcrissoma). Na primeira parte do estudo foi obtida uma biblioteca de cerca de 10.000 Illutantes do isolado 306 de Xac. Desses. 3.300 foram inoculados em folhas de limoeiro cravo e sua capacidade em causar cancro cítrico foi avaliada aos três dias da inoculação. Após quatro inoculaçàes. 56 mutantes foram selecionados por apresentarem virulência alterada e suas ORFs interrompidas foram identificadas por meio de seqüenciamento. Uma análise dessas ORFs mostrou que havia tanto ORFs quc codificavam para genes relacionados com a patogenicidade em fitobactérias como possihilitou identificar novos genes associados à infecção. além de ORFs hipotéticas. para as quais ainda não foi atrihuída nenhuma função. Dentre os genes previamente implicados na patogênese. pode-se citar o gene "rpB4. o qual participa do sistema de secreção do tipo três. Já o gene hrlA. que contribui na virulência de algumas bactérias patogênicas de animais. até o presente ainda não tinha sido relatado como tendo importância no processo de patogênese em fitobactérias. A ORF XACO~40 é um exemplo de uma proteína hipotética que interfere significativamente no processo infeccioso. uma vez que o mutante para esse locos não induziu sintomas da doença. assim como os demais mutantes citados acima. Na segunda parte deste trabalho. produziu-se um microarranjo de DNA contendo 6.9 I 2 sondas imobilizadas (2.673 ORFs. 87 ORFs repetidas. 312 controles negativos e X4 controles positivos... (AU)

Processo FAPESP: 02/13862-6 - Genoma funcional de xanthomonas axonopodis pv.citri. analise de microarrays em mutantes com patogenicidade alterada.
Beneficiário:Marcelo Luiz de Laia
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado