Busca avançada
Ano de início
Entree


Insulina e dexametasona na aerocistite aguda induzida por Aeromonas hydrophila em tilápias do Nilo, Oreochromis niloticus, Aloxano-diabéticas

Texto completo
Autor(es):
Ed Johnny da Rosa Prado
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: Jaboticabal. 2014-06-11.
Instituição: Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias. Jaboticabal
Data de defesa:
Orientador: Marco Antonio de Andrade Belo
Resumo

Na avaliação da participação da insulina e dos efeitos da dexametasona sobre a resposta de tilápias do Nilo, Oreochromis niloticus, durante aerocistite induzida por Aeromonas hydrophila, foram utilizadas 189 tilápias com peso médio 532g (± 74g), constituindo nove tratamentos: Não tratado e Não inoculado (controle); Não tratado e inoculado; Tratado com insulina (INS) e inoculado; Tratado com INS + Aloxano (ALOX) e inoculado; Tratado com insulina (INS)+ dexametasona (DEXA) e inoculado; Tratado com ALOX e inoculado; Tratado com ALOX + DEXA e inoculado; Tratado DEXA e inoculado; Tratados com INS + ALOX + DEXA e inoculado. Após, seis, 24 e 48 horas após inóculo (HPI), as tilápias foram submetidas à anestesia profunda para colheita de sangue para determinação do hemograma completo e bioquímico sérico, assim como, obtenção de exsudato. Da mesma forma, foram realizados estudos dos índices somáticos hepáticos, esplênicos e renais, além do histopatológico destes mesmos órgãos. Contudo, as avaliações na aerocistite infecciosa revelaram o predomínio de neutrófilos no local inflamado, sendo esta alteração mais significativa 24 HPI, apresentando um padrão de inflamação aguda fibrinossupurativa na histopatologia. A neutrofilia apresentou correspondência com as alterações renais na porção cranial, sendo este resultado fortemente influenciado pela tratamento com insulina. O tratamento com dexametasona suprimiu a resposta imune inata das tilápias, resultando em linfopenia e monocitopenia, seguida pela ausência de macrófagos no exsudato durante a evolução da reação inflamatória infecciosa. Hiperglicemia e hipercolesterolemia em tilápias tratadas com dexametasona confirmaram o efeito glicocorticoide sobre o metabolismo intermediário dos peixes. A administração de aloxano resultou em alterações clínico-patológicos no globo ocular, tecido hepático e tecido... (AU)