Busca avançada
Ano de início
Entree


Ação da vasopressina no núcleo paraventricular do hipotálamo sobre as alterações na atividade simpática induzidas por hiperosmolaridade.

Texto completo
Autor(es):
Natalia Ribeiro
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas
Data de defesa:
Membros da banca:
Vagner Roberto Antunes; Ruy Ribeiro de Campos Junior; Thiago dos Santos Moreira
Orientador: Vagner Roberto Antunes
Resumo

Diversos estudos demonstram que o aumento da osmolaridade é capaz de causar simpatoexcitação e aumento da pressão arterial, estando o núcleo paraventricular do hipotálamo (PVN) envolvido em tal resposta. Evidências recentes demonstraram um papel da VP modulando a atividade de neurônios do PVN envolvidos com o controle da atividade simpática. Deste modo, o objetivo deste estudo foi investigar o papel da vasopressina, por meio de sua ação no PVN, sobre as alterações na atividade simpática em situações de hiperosmolaridade. Nossos resultados demonstraram que a VP microinjetada bilateralmente no PVN foi capaz de promover um aumento significativo NA ansl. O antagonismo bilateral dos receptores V1a no PVN em animais submetidos à sobrecarga de sal promoveu uma queda significativa na ANSL, a qual não foi observada em animais normohidratados. O conjunto dos resultados nos permite afirmar que a VP agindo diretamente em neurônios do PVN é capaz de alterar a atividade simpática, participando da resposta simpatoexcitatória observada durante aumento da osmolaridade. (AU)

Processo FAPESP: 11/04778-0 - Ação da vasopressina no núcleo paraventricular do hipotálamo sobre as alterações na atividade simpática induzida por hiperosmolaridade
Beneficiário:Natália Ribeiro
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado