Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Future Projections of Fire Occurrence in Brazil Using EC-Earth Climate Model

Título (Português): Projeções Futuras de Ocorrência de Fogo no Brasil Usando o Modelo EC-Earth
Texto completo
Autor(es):
Patrícia Silva ; Ana Bastos ; Carlos C. DaCamara ; Renata Libonati
Número total de Autores: 4
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Revista Brasileira de Meteorologia; v. 31, n. 3, p. 288-297, Set. 2016.
Resumo

Abstract Fire has a fundamental role in the Earth system as it influences global and local ecosystem patterns and processes, such as vegetation distribution and structure, the carbon cycle and climate. Since, in the global context, Brazil is one of the regions with higher fire activity, an assessment is here performed of the sensitivity of the wildfire regime in Brazilian savanna and shrubland areas to changes in regional climate during the 21st Century, for an intermediate scenario (RCP4.5) of climate change. The assessment is based on a spatial and temporal analysis of a meteorological fire danger index specifically developed for Brazilian biomes, which was evaluated based on regional climate simulations of temperature, relative humidity and precipitation using the Rossby Centre Regional Climate Model (RCA4) forced by the EC-Earth earth system model. Results show a systematic increase in the extreme levels of fire danger throughout the 21st Century that mainly results from the increase in maximum daily temperature, which rises by about 2 °C between 2005 and 2100. This study provides new insights about projected fire activity in Brazilian woody savannas associated to climate change and is expected to benefit the user community, from governmental policies to land management and climate researches. (AU)

Resumo

Resumo O fogo tem um papel fundamental no Sistema Climático na medida em que influencia os padrões e os processos globais e locais dos ecossistemas, o ciclo do carbono e o clima. Tendo em conta que, no contexto global, o Brasil é uma das regiões com atividade de fogo mais elevada, pretende-se, no presente estudo, aferir da sensibilidade da ocorrência de fogo, nas áreas de savana e de vegetação arbustiva, às alterações climáticas durante o século XXI, para um cenário futuro intermédio (RCP4.5) de mudança climática. O estudo tem por bases análises espaço-temporais de um índice de perigo meteorológico de fogo, desenvolvido especificamente para os biomas do Brasil, cuja avaliação se baseou em simulações regionais do clima da temperatura, humidade relativa e precipitação, geradas pelo Modelo Regional (RCA4) do Rossby Centre forçado pelo modelo EC-Earth do sistema terrestre. Os resultados mostram a existência de um aumento sistemático dos níveis extremos de perigo de fogo ao longo do século XXI, o qual resulta principalmente de um crescimento de aproximadamente 2 °C dos valores diários da temperatura máxima entre 2005 e 2100. Este trabalho abre perspetivas para o estudo das projeções da atividade de fogo no cerrado brasileiro, associadas a uma mudança climática, sendo de esperar que dele venham a beneficiar as comunidades de utilizadores, da política governamental à gestão do território e à investigação do clima. (AU)

Processo FAPESP: 15/01389-4 - Sistema brasileiro Fogo-Superfície-Atmosfera (BrFLAS)
Beneficiário:Alberto Waingort Setzer
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Regular