Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do processo de reparo ao redor de implantes com superfícies modificadas por laser com e sem deposição de ha.caracterização topográfica, cultura de células, estudo biomecânico e histométrico em coelhos

Processo: 18/22108-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2019 - 31 de julho de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Pesquisador responsável:Francisley Ávila Souza
Beneficiário:Francisley Ávila Souza
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Pesq. associados:Antonio Carlos Guastaldi ; Roberta Okamoto ; Sandra Helena Penha de Oliveira
Assunto(s):Ósseointegração  Cicatrização  Implantes dentários  Implantodontia  Superfícies 

Resumo

A proposição do trabalho será avaliar parâmetros celulares, e o comportamento biológico e mecânico da interface formada entre osso e implante diante das superfícies usinada (MS), modificada por jateamento seguido de condicionamento ácido, disponível comercialmente (SES), modificada por laser (LS) e modificada por laser com recobrimento de HA método biomimético sem tratamento térmico (LHS). Realizar-se-á a caracterização topográfica das superfícies, seguido da cultura de células osteogênicas primarias para obter os parâmetros celulares relacionado a osteogenese. Após estudo in vitro 20 coelhos Albinus, receberão 80 implantes de 3,75x10mm em leitos cirúrgicos frezados na porção medial das tíbias direita e esquerda, sendo dois implantes de cada superfície em cada tíbia. Nos 10 animais pertencentes ao período de eutanásia de 4 semanas realizar-se-á aplicação intramuscular de calceina e alizarina. Nos períodos de 2 e 4 semanas os animais serão anestesiados, e in vivo será medido o coeficiente de estabilidade do implante, seguido das medidas do torque remoção no implante localizado mais proximal a articulação tíbio-femural. Nestes implantes realizar-se-á a caracterização topográfica da superfície por MEV-EDX para análise qualitativa/quantitativa do osso neoformado com a mensuração dos elementos Ca, P e O. Nos implantes localizados mais distais a articulação tíbio-femural será realizada análise microtomográfica seguido do processamento para inclusão em resina para obtenção de cortes calcificados. Nas lâminas dos 10 animais do período de eutanásia de 4 semanas realizar-se-á a microscopia confocal a laser seguido de sua análise histométrica. Após todas as lâminas serão coradas por azul de Stevenel e vermelho de Alizarina. Será mensurada a extensão linear de contato entre tecido ósseo mineralizado e superfície do implante e área óssea neoformada. Os valores obtidos nas análises biomecânica, microtomográfica, microscopia confocal a laser (histométrica) e histométrica (Azul de Stevenel e vermelho de Alizarina) serão submetidos à análise estatística.Palavras chave: Implantes dentários; Cicatrização; Superfície; Laser Itérbio; Osseointegração. (AU)