Busca avançada
Ano de início
Entree

Aspectos da biologia epididimaria de ratos tratados cronicamente com cimetidina.

Processo: 00/04508-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2000
Vigência (Término): 30 de junho de 2001
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia
Pesquisador responsável:Wilma de Grava Kempinas
Beneficiário:Alessandra Guerra Messias
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Fertilidade   Ratos   Cimetidina   Epididimo

Resumo

A cimetidina é um fármaco amplamente utilizado no tratamento de úlceras gástricas e duodenais, pois, sendo um antagonista de receptores H2, inibe a secreção gástrica. Embora a experiência clínica tenha demonstrado uma baixa incidência de efeitos colaterais em pacientes que se submeteram ao tratamento com a droga, há evidências de que a administração de altas doses de cimetidina ou longos períodos de tratamento estejam relacionados ao surgimento de disfunções sexuais, tais como redução da libido e impotência. O presente trabalho visa avaliar, utilizando-se de técnicas morfológicas, contagens de células germinativas, dosagens bioquímicas e hormonais, além de métodos para verificar o potencial fértil (comportamento sexual, cruzamentos naturais e inseminação artificial in utero), a histofisiologia do testículo e epidídimo (produção, transporte e maturação dos espermatozóides), em ratos adultos, expostos cronicamente à cimetidina. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MESSIAS, Alessandra Guerra. Biologia epididimária de ratos tratados cronicamente com cimetidina. 74 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Botucatu). Botucatu.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.