Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização Funcional do Fator de Transcrição NFkB em Glândulas Pineais de Ratos

Processo: 07/06420-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2008
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Geral
Pesquisador responsável:Regina Pekelmann Markus
Beneficiário:Erika Cecon
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Glândula pineal   Glutamatos   Noradrenalina   Cronofarmacologia

Resumo

A glândula pineal, responsável pela produção do hormônio tido como marcador do escuro, a melatonina, constitui parte da maquinaria endógena responsável pela sincronização de diversos processos fisiológicos ao ciclo claro/escuro ambiental. Dados de nosso laboratório sugerem a existência de um eixo imune-pineal que considera não só a influência que a melatonina exerce sobre células imuno-competentes, mas também o efeito de mediadores da inflamação sobre a atividade biossintética da glândula. Neste projeto propomos elucidar o papel da via de sinalização NFkB sobre a produção de melatonina em pineais obtidas de animais hígidos, estimuladas ou não com citocinas pró-inflamatórias. Deveremos determinar o efeito de neurotransmissores (noradrenalina, ATP, glutamato e GABA) sobre a translocação nuclear de dímeros NFkB e as seqüências de nucleotídeos presentes no gene da enzima chave da síntese de melatonina passíveis de ligação a este fator de transcrição. Este projeto é chave para determinar os mecanismos moleculares que medeiam a influência de agentes da inflamação sobre a pineal. Além disso, a exemplo do que ocorre no sistema nervoso central, será verificado se esta via de transcrição participa da função fisiológica desta glândula.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CECON, Erika. Fator de transcrição NFKB em glândulas pineais de ratos. 2010. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.