Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de biodiesel a partir de óleos vegetais usando células íntegras com elevada atividade lipolítica (glicerol éster hidrolase - E.C. 3.1.1.3) imobilizadas

Processo: 07/08430-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de junho de 2008
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Heizir Ferreira de Castro
Beneficiário:Grazielle dos Santos Silva
Instituição-sede: Escola de Engenharia de Lorena (EEL). Universidade de São Paulo (USP). Lorena , SP, Brasil
Assunto(s):Biocatálise   Células imobilizadas   Biodiesel   Óleos vegetais como combustíveis   Etanol   Éteres de glicerila   Lipase

Resumo

O biodiesel é um combustível renovável obtido pela transesterificação de óleos ou gorduras vegetais ou animais com os álcoois de cadeia curta (metanol ou etanol). Além de representar o desenvolvimento de um novo mercado para os óleos vegetais e gorduras animais, a produção do biodiesel irá impulsionar o setor de álcool etílico (rota tecnológica que será utilizada para a produção de biodiesel neste trabalho). No Brasil o uso do biodiesel está autorizado na proporção de 2%, o que cria um mercado interno de aproximadamente 800 milhões de litros por ano para este novo combustível, possibilitando uma economia de até US$ 160 milhões por ano com a redução das importações de petróleo. Visando ampliar as rotas de produção de biodiesel, de modo a contribuir para a ampliação da sua produção a curto e médio prazo, propõe-se, neste projeto, o estudo da produção de biodiesel em escala de bancada a partir de óleos vegetais e etanol empregando células íntegras de microorganismo com elevada atividade lipolítica (glicerol éster hidrolase - E.C. 3.1.1.3) imobilizadas em suportes sólidos adequados. Os principais aspectos que serão abordados compreendem a seleção de microrganismos altamente produtores de lipase intracelular, a imobilização de células íntegras da linhagem selecionada em suportes adequados e a avaliação do desempenho do sistema imobilizado na síntese de biodiesel a partir de óleos vegetais e etanol. Esta abordagem permitirá a redução do custo de obtenção do produto de interesse, envolvendo ainda um número menor de operações básicas. Evitam-se ainda, problemas com rejeitos e o uso de catalisadores agressivos ao meio ambiente como ácidos e bases fortes. Desta forma, processos mais limpos que possam competir do ponto de vista industrial e econômico com os processos clássicos, significariam um benefício importante para a produção de combustíveis renováveis. Em síntese este é um projeto estratégico do setor oleoquímico/energético que pretende contribuir no desenvolvimento de tecnologias que possibilitem a substituição de produtos obtidos tradicionalmente a partir de fontes não renováveis por fontes renováveis. O projeto proposto integra a principal linha de pesquisa do Laboratório de Biocatálise da Escola de Engenharia de Lorena e está vinculado a dois projetos em fase de desenvolvimento: jovem pesquisador "Nucleação de um novo grupo de pesquisa 'tecnologia de processos em reatores enzimáticos' utilizando tecnologias emergentes para reestruturação da gordura do leite" (Processo FAPESP 04/12329-8) e auxílio individual a pesquisa "Produção integrada de biodiesel e emulsificantes a partir do óleo de babaçu usando derivados estabilizados de lipases pancreática e microbiana" (Processo FAPESP 04/16017-0). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.