Busca avançada
Ano de início
Entree

Modulação da proteína transportadora de glicose glut4 pelo receptor canabinóide cb1 em células musculares l6

Processo: 11/05715-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2011
Vigência (Término): 31 de maio de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Daniela Tomie Furuya
Beneficiário:Laís Ribeiro Hinz
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Sistema musculoesquelético   Músculo esquelético   Transportador de glucose tipo 4   Endocrinologia   Obesidade

Resumo

Na obesidade, o sistema endocanabinóide encontra-se hiper ativado, o que resulta em aumento dos níveis de endocanabinóides circulantes. O receptor canabinóide CB1 além de ser expresso no cérebro, é encontrado em tecido adiposo e músculo esquelético. Raros estudos apontam diferentes efeitos da ativação do sistema endocanabinóide sobre a captação da glicose em diferentes tecidos. Adicionalmente, recentes estudos in vitro obtidos em nosso laboratório demonstram que a inibição do receptor CB1 resulta em aumento expressivo do mRNA e da proteína GLUT4 em adipócitos. No entanto, em músculo esquelético, nada se conhece a respeito da modulação da expressão de GLUT4 pelo receptor CB1, e nem dos possíveis fatores de transcrição envolvidos. O presente projeto tem como objetivo verificar a modulação pelo receptor canabinóide CB1 na expressão de GLUT4, bem como o envolvimento do fator de transcrição SREBP-1, em cultura de células musculares. Para tanto, células musculares da linhagem L6 serão tratadas por 2 ou 4 horas com agonista seletivo do receptor CB1 (0,5 µM de ACEA), e/ou antagonista seletivo do receptor CB1 (0,5 µM AM251) e posteriormente, submetidas às seguintes análises: (1) expressão do mRNA de GLUT4, por PCR em tempo real (2) expressão da proteína GLUT4, por Western blotting, (3) ligação de SREBP-1 na região promotora do gene que expressa GLUT4, por Ensaio de Mobilidade Eletroforética (EMSA).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: