Busca avançada
Ano de início
Entree

Mutação, crescimento em forma de biofilme e características fenotípicas de Pseudomonas aeruginosa isoladas de pacientes com fibrose cística

Processo: 14/19310-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de novembro de 2014
Vigência (Término): 31 de outubro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Ana Lúcia da Costa Darini
Beneficiário:Natália Candido Caçador
Supervisor no Exterior: Niels Høiby
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Copenhagen, Dinamarca  
Vinculado à bolsa:13/13358-0 - Epidemiologia clássica e molecular de Pseudomonas aeruginosa isoladas de pacientes com Fibrose Cística, BP.DD
Assunto(s):Fibrose cística   Mutação   Virulência   Biofilmes   Pseudomonas aeruginosa

Resumo

Durante a infecção pulmonar crônica em pacientes com fibrose cística (FC), Pseudomonas aeruginosa podem sobreviver por vários anos sob a pressão seletiva imposta pelo tratamento com antibióticos e pelo sistema imunológico do paciente como resultado de seu crescimento em forma de biofilme e evolução adaptativa mediada por variação genética. Mucosidade, hipermutabilidade e aquisição de resistência a antibióticos devido à mutação são importantes fenótipos adaptativos que são selecionados durante a infecção crônica por P. aeruginosa. Dentro deste contexto, o objetivo deste projeto é analisar as características fenotípicas e a presença de linhagens de P. aeruginosa com fenótipo mutante isolado de pacientes com FC com infecção intermitente/crônica atendidos em um hospital universitário público no Brasil. Para isso, vamos investigar os perfis metabólicos, a capacidade de formar biofilme, a ocorrência de subpopulações mutantes de P. aeruginosa e avaliar a associação entre mutabilidade e fenótipo mucoide e perda de quorum sensing. Espera-se que os resultados deste projeto contribuirão para uma melhor compreensão da evolução das bactérias nos pacientes e as adaptações mais frequentes, proporcionando conhecimento que será útil no tratamento destes pacientes. (AU)