Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação in situ do potencial do SnF2 em inibir a progressão do processo de erosão no esmalte dental humano

Processo: 14/10955-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2014
Vigência (Término): 31 de outubro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Patricia Moreira de Freitas Costa e Silva
Beneficiário:Camila Vieira da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Dentística   Fluoretos de estanho   Erosão dentária   Esmalte dentário   Microdureza

Resumo

Apesar de vários estudos terem demonstrado resultados promissores da solução de fluoreto de estanho na inibição da progressão da lesão de erosão, ainda não há um consenso sobre a frequência de utilização. Quatorze voluntários utilizando um dispositivo removível inferior bilateral contendo 3 amostras de esmalte dental humano participarão deste estudo in situ e cruzado, dividido em quatro fases de 5 dias cada. Os voluntários serão submetidos aos tratamentos (n=14): T1 - controle (sem tratamento); T2 - enxaguatório bucal com flúor (500 ppm); T3 - solução de SnF2 1x/dia; T4 - solução de SnF2 2x/dia. Durante a fase experimental in situ o dispositivo contendo as amostras serão imersos em ácido cítrico 0,5%, pH 2,6, 2 minutos, 6x/dia em intervalos de 1,5 h. As amostras serão avaliadas através de microdureza superficial (n=14) no início da fase experimental (baseline, T0) e após o desafio erosivo in vitro (solução de ácido cítrico a 1%, pH 4,0, 3 minutos) (T1); através da perfilometria em todos os tempos experimentais (To, T1 e T2); e através da microdureza transversal após o desafio erosivo in situ (T2). Adicionalmente, em algumas amostras, será realizada análise por microscopia eletrônica de varredura, que permitirá a observação da morfologia de superfície nos 03 tempos experimentais. Os resultados obtidos serão avaliados de acordo com os conceitos da estatística clássica. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DA SILVA, CAMILLA VIEIRA; NAZELLO, JESSICA LAPORTA; DE FREITAS, PATRICIA MOREIRA. Frequency of Application of AmF/NaF/SnCl2 Solution and Its Potential in Inhibiting the Progression of Erosion in Human Dental Enamel - An In Vitro Study. ORAL HEALTH & PREVENTIVE DENTISTRY, v. 15, n. 4, p. 365-370, SEP 1 2017. Citações Web of Science: 0.
DA SILVA, C. V.; RAMOS-OLIVEIRA, T. M.; MANTILLA, T. F.; DE FREITAS, P. M. Frequency of Application of AmF/NaF/SnCl2 Solution and Its Potential in Controlling Human Enamel Erosion Progression: An in situ Study. Caries Research, v. 51, n. 2, p. 141-148, 2017. Citações Web of Science: 4.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SILVA, Camila Vieira da. Influência da frequência de aplicação da solução de AmF/NaF/SnCl2 no seu potencial em inibir a progressão da lesão de erosão no esmalte dental humano. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Odontologia São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.