Busca avançada
Ano de início
Entree

Autobiografia, ensaio e o cinema de Cambridge: os documentários de Ross McElwee

Processo: 15/02194-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2015
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Cinema
Pesquisador responsável:Fernão Vitor Pessoa de Almeida Ramos
Beneficiário:Gabriel Kitofi Tonelo
Supervisor no Exterior: Ross McElwee
Instituição-sede: Instituto de Artes (IA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Harvard University, Cambridge, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:13/08742-6 - Entre a autobiografia e o Filme-Ensaio: os Documentários de Ross McElwee, BP.DR
Assunto(s):Documentário cinematográfico   Autobiografias

Resumo

Com este projeto visamos efetuar um Estágio de Pesquisa nos Estados Unidos, durante um período de seis meses, no Departamento VES (Visual and Environmental Studies) da Universidade de Harvard (Cambridge, MA). Trata-se de um Estágio de Pesquisa vinculado à pesquisa de Doutorado "Entre a Autobiografia e o Filme-Ensaio: Os Documentários de Ross McElwee", realizada no Brasil. Buscaremos aprofundar e expandir nosso entendimento de questões relativas ao desenvolvimento Autobiográfico no Cinema Documentário e noções relativas ao Ensaio cinematográfico, tendo como principal objeto de análise a obra do cineasta americano Ross McElwee. McElwee é um cineasta com uma sólida produção de documentários a partir da década de 1970 e um dos principais representantes do Documentário Autobiográfico norte-americano. A especificidade da carreira de McElwee reside no fato de que seus últimos oito longas-metragens apresentam aspectos autobiográficos dominantes e que complementam-se a cada novo lançamento do diretor, em um movimento que já dura mais de trinta anos. A obra de Ross McElwee é relacionada a um grupo de cineastas baseados na cidade de Cambridge, cuja importância reside na maneira através da qual apresentou inovações relativas a uma abordagem Autobiográfica no Cinema Documentário. Para além de Ross McElwee, cineastas como Ed Pincus, Robb Moss e Alfred Guzzetti fazem parte deste fenômeno, que começa ainda no final da década de 1960 no departamento de cinema do MIT (MIT Film Section) e que continua existindo no Departamento VES da Universidade de Harvard. Esta relação entre os cineastas de Cambridge e o desenvolvimento do Documentário Autobiográfico, bem como a obra do principal representante deste grupo, Ross McElwee, foi ainda pouco explorada na bibliografia brasileira. É importante notar que a relação entre Autobiografia e Documentário é um fenômeno pertinente na produção contemporânea. Esta abordagem tem reflexo significativo na produção brasileira atual de Cinema Documentário e também é alvo constante de trabalhos nos estudos fílmicos brasileiros. Desta forma, este estágio de pesquisa busca aprofundar a análise que estamos realizando de uma produção que, se concretamente explorada, poderá contribuir para o desenvolvimento do debate acerca de questões que estão em voga nos estudos cinematográficos brasileiros contemporâneos. O Estágio de Pesquisa na Universidade de Harvard possibilitaria o contato direto com diversos destes cineastas, que fazem parte da história do Documentário Autobiográfico americano e que são professores do Departamento Visual and Environmental Studies. Trata-se do caso do próprio objeto da pesquisa, Prof. Ross McElwee, bem como os Profs. Robb Moss e Alfred Guzzetti. Desta forma, há a possibilidade de obtenção de material primário de informação, através da condução de entrevistas com o próprio Ross McElwee e com os outros professores/cineastas. Além disto, a Universidade de Harvard abriga praticamente todo material publicado acerca da obra de Ross McElwee (entre livros, artigos e matérias de jornal), sendo que grande parte deles não estão disponíveis em outros centros de pesquisa. Da mesma forma, a Univerisdade é sede de instituições como o Harvard Film Archive (HFA), que contém filmes importantes para a pesquisa e que ainda não puderam ser assistidos, como a obra completa de Ed Pincus e filmes inéditos de Ross McElwee, Robb Moss e Alfred Guzzetti. Desta forma, este estágio de pesquisa contribuiria para qualidade da pesquisa em duas frentes. Uma delas é relativa à possibilidade do contato direto com o cineasta cuja obra está sendo analisada, Ross McElwee, bem como outros cineastas importantes para o universo teórico com que estamos lidando. A outra delas é relativa à obtenção de material bibliográfico e filmográfico disponível apenas em instituições da Universidade de Harvard, cujo visionamento poderá contribuir significantemente para o adensamento analítico da tese. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CHAVES, RENAN PAIVA; TONELO, GABRIEL KITOFI; WILLIAMS, DEANE MARTIN. Essie Coffey's My Survival as an Aboriginal (1978) and My life as I live it (1993): autobiographical documentary and the socio-political struggle of an Aboriginal, Black woman. STUDIES IN DOCUMENTARY FILM, v. 14, n. 3, p. 228-245, SEP 1 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.