Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise dos níveis de Methanobrevibacter oralis em indivíduos com periodontite crônica

Processo: 15/13083-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2015
Vigência (Término): 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Periodontia
Pesquisador responsável:Marcelo de Faveri
Beneficiário:Letícia de Oliveira Pereira
Instituição-sede: Universidade de Guarulhos (UNG). Campus Guarulhos-Centro. Guarulhos , SP, Brasil
Assunto(s):Archaea   Microbiologia

Resumo

O papel de bactérias específicas nas doenças periodontais tem sido extensivamente investigado. Entretanto, existem evidências de que outros microrganismos podem apresentar alguma influencia na etiologia desta infecção. Dentre estes novos microrganismos, membros do domínio Archaea vem sendo associados com as periodontites. Vários estudos observaram diferentes níveis de prevalência deste domínio em indivíduos com periodontite crônica e agressiva. Entretanto, a prevalência e os níveis da principal espécies de Archaea presente na cavidade bucal, Methanobrevibacter oralis, ainda foi pouco estudado. Assim sendo, o objetivo do presente estudo será investigar a prevalência e os níveis de M.oralis em indivíduos com periodontite crônica. Serão selecionados, 20 indivíduos com saúde periodontal (SP) e 20 indivíduos com periodontite crônica (PC). Nove amostras de biofilme subgengival serão coletadas por indivíduos com PC (3 sítios com profundidade de sondagem <3 mm, 3 sítios com profundidade de sondagem entre 4 e 6 mm, e 3 sítios com profundidade de sondagem >7 mm) e nove sítios com profundidade de sondagem <3 mm serão coletados dos indivíduos com SP. As amostras serão processadas e analisadas pela técnica da reação em cadeia da polimerase em tempo real para a presença de M.oralis. Diferenças entre os grupos serão avaliadas utilizando-se o teste Qui-quadrado e Mann-Whitney. A significância estatística será estabelecida em 5%. Os resultados obtidos deverão contribuir para a maior compreensão da relação de etiologia deste patógeno periodontal e a sua correlação com o perfil de destruição periodontal em indivíduos com doença periodontal crônica.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.