Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da combinação dos diterpenos ácido caurenóico e ácido Poliáltico com Anfotericina B nas formas promastigotas e amastigotas de Leishmania amazonensis

Processo: 16/08135-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2016
Vigência (Término): 31 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacognosia
Pesquisador responsável:Lizandra Guidi Magalhães
Beneficiário:Ana Carolina Bolela Bovo Candido
Instituição-sede: Pró-Reitoria Adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação. Universidade de Franca (UNIFRAN). Franca , SP, Brasil
Assunto(s):Copaifera   Leishmaniose

Resumo

A leishmaniose é considerada uma doença parasitária negligenciada potencialmente fatal, é causada por espécies distintas do protozoário Leishmania sp, entre as espécies encontra-se a Leishmania amazonensis. O tratamento primário da leishmaniose é realizado utilizando os antimoniais pentavalentes (Sb+5) como Estibogliconato de Sódio e o Antimoniato de N-metilglicamina e em casos de resistência da cepa ao tratamento primário, outras substâncias tais como Anfotericina B, são utilizadas como uma segunda opção de tratamento, apesar da sua grande toxicidade para o hospedeiro. Em vista da necessidade de novas substâncias com atividade contra os parasitos que causam a Leishmaniose, o interesse pela pesquisa cresce com o intuito de se obter compostos capazes de atuarem sobre os parasitos com maior eficácia e baixa toxicidade. Dentre todas as plantas com propriedades medicinais, as árvores do gênero Copaifera merecem destaque em função de suas aplicações farmacológicas historicamente comprovadas pela medicina popular, incluindo sua atividade antiparasitária, onde se observa a significante propriedade leishmanicida apresentada pelo óleoresina de diversas espécies deste gênero. Apesar de observar o potencial farmacológico das óleoresinas de Copaifera, ainda muito pouco se conhece a respeito das principais substâncias responsáveis por tais atividades. No entanto, estudos recentes com os diterpenos ácido caurenóico (ácido 16-caure-18-óico) (AC) e ácido poliáltico (ácido 15,16-epóxilabda-8(17),13(16),14-trieno-19-óico) (AP), encontrados na parte fixa da óleoresina da maioria das espécies de Copaifera, indicaram uma significante atividade antiparasitária dessas substâncias.Assim, o presente projeto tem o propósito estudar o efeito da combinação do AC e AP entre si e entre a Anfotericina B nas formas promastigotas e amastigota de L. amazonensis. Inicialmente será determinada a Concentração Inibitória de 50 % dos parasitos (CI50) para cada substância. Em seguida, será realizado o estudo de combinação das substâncias para determinar as concentrações que apresentam um efeito sinérgico. Também serão avaliados os efeitos citotóxicos e hemolíticos das substâncias isoladas e das combinações. Para estudar o mecanismo de ação, será avaliada a morfologia dos parasitos, e em seguida, serão realizados ensaios para verificar indícios de indução de morte dos parasitos por um evento semelhante ao de apoptoses e a indução de estresse oxidativo.