Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação e quantificação simultânea de eicosanóides derivados da via do citocromo-P450 (CYP450) utilizando a cromatografia líquida de alta eficiência acoplada à espectrometria de massas sequencial (HPLC-MS/MS)

Processo: 16/16788-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2016
Vigência (Término): 29 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Lúcia Helena Faccioli
Beneficiário:Ana Paula Ferranti Peti
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/07125-6 - Novos aspectos funcionais dos eicosanóides, AP.TEM
Assunto(s):Espectrometria de massas   Leucotrienos   Inflamação   Eicosanoides   Prostaglandinas

Resumo

Citocromos P450 (CYP450) compreendem um grupo de enzimas de suma importância para o metabolismo de compostos endógenos e exógenos nos seres vivos. Em humanos, elas são responsáveis pela oxidação de ácidos graxos e atuam como potentes catalisadores da biossíntese de mediadores lipídicos, dentre eles vários eicosanóides (EICs). A família CYP450 é constituída por mono-oxigenases responsáveis pela conversão de ácidos graxos poli-insaturados (PUFAs) a hidroxiácidos e epoxiácidos pelos seguintes mecanismos: (1) oxidação alílica e oxidação bisalilica gerando hidroxiácidos com duplas conjugadas; (2) w-hidroxilação de carbono terminal sp 3, por exemplo para formar o 20-OH-PGE2 e (3) epoxidação de ligação dupla, para gerar primeiramente quatro ácidos epoxyeicosatrienóicos regioisoméricos a partir do AA (EETs): 5,6-, 8,9-, 11,12-, e 14,15-EET. Os EICs oriundos da via do CYP450 apresentam papeis fisiológicos e fisiopatológicos fundamentais para a homeostase e eventos patológicos, podendo ser identificados em diferentes tecidos. Algumas das atividades mais significativas a eles atribuídos refere-se à regulação do transporte de Na+ , Ca2+ e K + nas membranas celulares por mediação dos hormônios que controlam a reabsorção e secreção destes íons, e seus efeitos na regulação vascular [9]. Neste contexto, a identificação de EICs derivados da via CYP450 é essencial para um estudo mais amplo de suas atividades biológicas em um determinado sistema. Em vista disso, este projeto tem como objetivo a padronização de um método de HPLC-MS/MS para a análise qualitativa e quantitativa de diferentes EICs oriundos da via do CYP450, principalmente os epoxiácidos e seus derivados como uma ferramenta adicional para ser aplicada em estudos de lipidomas. A HPLC-MS/MS representa atualmente a técnica mais poderosa para uma análise sensível e seletiva de analitos alvo em misturas complexas, como extratos biológicos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SORGI, CARLOS ARTERIO; FERRANTI PETI, ANA PAULA; PETTA, TANIA; GALVAO MEIRELLES, ALYNE FAVERO; FONTANARI, CAROLINE; BERALDO DE MORAES, LUIZ ALBERTO; FACCIOLI, LUCIA HELENA. Comprehensive high-resolution multiple-reaction monitoring mass spectrometry for targeted eicosanoid assays. SCIENTIFIC DATA, v. 5, AUG 21 2018. Citações Web of Science: 2.
FERRANTI PETI, ANA PAULA; LOCACHEVIC, GISELE APARECIDA; BORGES PRADO, MORGANA KELLY; BERALDO DE MORAES, LUIZ ALBERTO; FACCIOLI, LUCIA HELENA. High-resolution multiple reaction monitoring method for quantification of steroidal hormones in plasma. Journal of Mass Spectrometry, v. 53, n. 5, p. 423-431, MAY 2018. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.