Busca avançada
Ano de início
Entree

Busca do gene humano que codifica para a subunidade conectora da amidotransferase mitocondrial e estudo do gene MSC6 de Saccharomyces cerevisiae

Processo: 16/25907-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2017
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Mario Henrique de Barros
Beneficiário:Maria Antônia Kfouri Martins Soares
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07937-8 - Redoxoma, AP.CEPID
Assunto(s):Mitocôndrias   Leveduras   Biogênese   Biossíntese de proteínas   Saccharomyces cerevisiae

Resumo

O processo de tradução do mRNA envolve o correto carregamento do tRNA com seu aminoácido cognato por uma aminoacil tRNA-sintetase específica. No entanto, algumas bactérias e organelas não apresentam o conjunto completo de aminoacil tRNA-sintetases, e assim necessitam de reações extras de transamidação no aminoácido ligado de forma inespecífica ao tRNA. A reação de transamidação, em bactérias, é catalisada pelo complexo GatCAB e em organelas de eucariotos pelo complexo GatFAB, já caracterizado em S. cerevisiae; Qrs1p é homóloga à subunidade GatA e Pet112p a GatB. A subunidade GatC é responsável por estabilizar e conectar as subunidades GatA e GatB, e apresenta a ortóloga Gtf1p (GatF) em S. cerevisiae. Uma vez que o complexo GatFAB deve estar presente também em H. sapiens, e não há evidências de homólogos ao gene GTF1 no genoma humano, este estudo visa identificar o gene humano que codifica para a subunidade GatF através de ensaios de complementação funcional de mutantes gtf1-ts de levedura por bibliotecas de cDNA humano. Paralelamente, estudo anterior gerou mutantes de QRS1 (GatA) que aboliram a atividade da amidotransferase. Dentre esses mutantes, a mutação D150R se mostrou dominante e o gene MSC6 foi isolado como um supressor dessa mutação (Moda et al., 2016). Resultados preliminares indicam o envolvimento de Msc6p no início do processo de tradução mitocondrial que pretendemos confirmar neste projeto. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RIBEIRO FRANCO, LETICIA VELOSO; MODA, BRUNO S.; SOARES, MARIA A. K. M.; BARROS, MARIO H. Msc6p is required for mitochondrial translation initiation in the absence of formylated Met-tRNA(fMet). FEBS Journal, v. 286, n. 7, p. 1407-1419, APR 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.