Busca avançada
Ano de início
Entree

Qualidade da carne de frangos alimentados com resíduos de frutas

Processo: 17/22459-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:Elisa Helena Giglio Ponsano
Beneficiário:Rodolfo Simonato Ferreira Araujo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária (FMVA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Compostos bioativos   Cor   Qualidade da carne   Ração   Abacaxi   Goiaba   Dieta animal   Antioxidantes

Resumo

O projeto propõe a utilização de sobras do processo de industrialização de frutas na ração de frangos de corte. Considerando a presença de compostos bioativos nesses resíduos, pretende-se investigar o papel dessas substâncias sobre o desempenho animal e sobre as características de rendimento e qualidade da carne. Para tanto, será adotado um delineamento experimental totalmente casualizado com quatro tratamentos: controle positivo (CP), dieta sem antioxidante; controle negativo (CN), dieta com antioxidante; goiaba 5% (G), dieta contendo 5% do resíduo do processamento de goiaba, sem antioxidante; e abacaxi 5% (A), dieta contendo 5% do resíduo do processamento de abacaxi, sem antioxidante. As aves serão criadas em baterias durante 21 dias e levadas ao abate. Serão tomados dados para a análise de desempenho animal e rendimento industrial. Peito e coxa serão analisados quanto à composição e às características de cor e rancidez. Os resultados serão submetidos à análise de variância e teste de Duncan e analisados com nível de significância de 5%. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)