Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da comunicação do Movimento Web Para Todos no Facebook: reflexões sobre a atuação dos movimentos sociais na internet

Processo: 18/17821-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação
Pesquisador responsável:Caroline Kraus Luvizotto
Beneficiário:Aline Bonholi Barbosa
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Comunicação digital   Internet   Mídias sociais   Movimentos sociais   Grupos sociais   Análise de conteúdo

Resumo

Com a internet e as mídias digitais, as formas de comunicação e consumo de informação se modificaram, deixando de ser unilaterais - marca dos meios de comunicação de massa - passando a ser mais participativas e democráticas. Mesmo que de maneira limitada, considerando os problemas de acesso à rede, acessibilidade, usabilidade e conhecimento do usuário, a internet possibilita participação e interação entre os indivíduos, sendo uma forma de comunicação rápida, prática e sem barreiras geográficas. Esse ambiente online modificou a maneira como sujeitos e grupos sociais manifestam as suas demandas políticas e sociais. A partir da análise do Movimento Web Para Todos (MWPT), movimento social que pretende mobilizar a sociedade para a causa da acessibilidade digital e para a transformação da web brasileira em um ambiente inclusivo para todos, esta pesquisa busca refletir sobre a importância da internet, em especial, das redes sociais online, como ferramenta de comunicação dos movimentos sociais contemporâneos. Especificamente, espera-se: Compreender o conceito de movimentos sociais e qual o papel da comunicação online para suas ações; Entender os processos históricos que envolvem a acessibilidade digital no Brasil e a trajetória do Movimento Web Para Todos; Descrever a página do MWPT no Facebook e analisar as suas publicações, buscando verificar sua abrangência e performance e estimar o seu potencial como um ambiente digital que relaciona o movimento social aos cidadãos; Indicar estratégias de comunicação para uma ação mais efetiva dos movimentos sociais no Facebook, a partir do exemplo do MWPT. A pesquisa aqui proposta caracteriza-se por ter como vertente metodológica uma abordagem quali-quantitativa, fazendo uso do método exploratório, descritivo e da análise de conteúdo. Espera-se, a partir deste estudo, contribuir para a reflexão sobre as potencialidades e desafios dos ambientes online enquanto ambientes de participação, bem como sobre o potencial da internet enquanto tecnologia que possibilita o surgimento de novas práticas e ações político-sociais e a disseminação de informação para os cidadãos através das ferramentas disponíveis.