Busca avançada
Ano de início
Entree

Conjugados polinorborneno-goniotalamina e polinorborneno-piplartina para terapias anticâncer

Processo: 18/24020-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 15 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 14 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Ronaldo Aloise Pilli
Beneficiário:Carolyne Brustolin Braga
Supervisor no Exterior: Marcus Weck
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: New York University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/06146-8 - Desenvolvimento de nanocarregadores baseados em dendrímeros e nanopartículas poliméricas para a vetorização seletiva da goniotalamina, piplartina e monastrol, BP.PD
Assunto(s):Nanomedicina   Piplartina   Goniotalamina   Polímeros conjugados   Produtos naturais   Desenvolvimento de fármacos   Antineoplásicos

Resumo

Produtos naturais têm sido a principal fonte de inspiração para o desenvolvimento de novos fármacos para tratamentos anticâncer. Em particular, vários estudos têm destacado o potencial dagoniotalamina e da piplartina, produtos naturais encontrados em plantas, para terapias anticâncer. No entanto, a baixa solubilidade em água e a significativa toxicidade destes dois compostos frente a células saudáveis pode seriamente limitar as suas aplicações como agentes terapêuticos. Avanços recentes têm mostrado que a utilização de nanomateriais como sistemas de distribuição de fármacos representa uma estratégia promissora para superar tais limitações de pequenas moléculas. Além de direcionar os fármacos para tecidos tumorais, nanomateriais também são capazes de aumentar a solubilidade em água, estabilidade, tempo de circulação in vivo, biodistribuição e índice terapêutico de moléculas bioativas. Assim, considerando o potencial de polinorbornenos como carreadores poliméricos, e em conexão com nossos interesses de aumentara seletividade e a potência da goniotalamina e da piplartina frente a células de câncer, este projeto visa o desenvolvimento de novos conjugados poliméricos baseados em polinorbornenos, com baixa polidispersidade, para a distribuição seletiva destes dois compostos bioativos para células tumorais. Nós focaremos na síntese dos novos nanomateriais, funcionalização com o composto anticâncer, caracterização estrutural completa, e avaliação do comportamento in vitro. O processo de auto-organização dos novos materiais também será amplamente estudado, visando à obtenção de nanossistemas inovadores para terapias anticâncer. As atividades citotóxicas dos novos nanossistemas serão comparadas para definirmos relações estrutura-atividade frente a células cancerígenas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)