Busca avançada
Ano de início
Entree

Meta-análise multi-ômica da resposta imune ao SARS-CoV-2: uma abordagem integrada com resolução celular

Processo: 22/08508-2
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de setembro de 2022
Vigência (Término): 31 de agosto de 2025
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Licio Augusto Velloso
Beneficiário:Bruno Loyola Barbosa
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07607-8 - CMPO - Centro Multidisciplinar de Pesquisa em Obesidade e Doenças Associadas, AP.CEPID
Assunto(s):Imunologia   Meta-análise   Análises multiômicas   Resposta imune   Análise de célula única   COVID-19   SARS-CoV-2   Betacoronavirus
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Coronavirus | Covid-19 | meta-análise | Omica | SARS-CoV-2 | Single-cell | Imunologia

Resumo

A pandemia de COVID-19 tem estimulado estudos que visam elucidar a fisiopatologia da doença, contribuindo assim para que se avance no desenvolvimento de estratégias terapêuticas mais eficientes. Nesse sentido, uma importante abordagem tem por objetivo definir a identidade das células que participam da resposta imune em pacientes infectados com SARS-CoV-2. Uma das ferramentas utilizadas para este tipo de investigação tem por base o emprego de tecnologias single-cell, apontadas como revolucionárias diante do potencial de analisar componentes celulares sem que haja perda da resolução celular, ou seja, permitindo identificar alterações específicas em populações de células. Esses componentes podem ser detalhados pelo proteoma, transcriptoma e secretoma de uma mesma célula, resultando em análises multi-ômicas de alta resolução. Diante disso, vários estudos utilizando métodos single-cell foram publicados entre 2020 e 2022 tendo como objeto de estudo amostras de sangue e lavado broncoalveolar de pacientes com COVID-19 e controles saudáveis. Entretanto, há discrepâncias entre os principais achados dos diferentes estudos ora publicados, o que dificulta a formação de um consenso sobre os aspectos celulares envolvidos na resposta imunológica da COVID-19. Neste projeto, propõe-se a integração de dados públicos, previamente publicados, gerando uma meta-análise multiômica que contribuirá para que se alcance um consenso quanto à composição celular da resposta imune contra a COVID-19 e sua participação no processo patofisiológico. Para tal, utilizaremos um método em desenvolvimento no nosso laboratório que permite uma análise topológica dos dados, permitindo uma expansão e integração do conjunto de resultados existentes na literatura, os quais foram analisados de forma isolada. Acreditamos que, frente aos resultados obtidos neste estudo, avançaremos na caracterização celular e mecanística da COVID-19. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)