Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de marcadores moleculares a partir de ESTs em cana-de-açúcar para seleção de características economicamente importantes

Processo: 01/14656-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2002
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2005
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Anete Pereira de Souza
Beneficiário:Luciana Rossini Pinto Machado da Silva
Instituição-sede: Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Cana-de-açúcar   Etiquetas de sequências expressas   Marcador molecular   Repetições de microssatélites

Resumo

A obtenção de novas variedades de cana-de-açúcar, mais produtivas e resistentes a pragas e doenças, é um processo demorado que consome vários anos até o lançamento para o plantio comercial. O desenvolvimento de marcadores genéticos, PCR específicos, fortemente ligados a genes que controlam as características de interesse, pode acelerar significativamente os programas de melhoramento. O projeto de sequenciamento de ESTs (SUCEST) do programa Genoma da FAPESP já identificou cerca de 40 mil clusters que representam os genes de cana-de-açúcar. Os ESTs apresentam potencial para serem utilizados no desenvolvimento de marcadores genéticos. Deste modo, marcadores microssatélites podem ser obtidos a partir de bancos de dados de ESTs, e sondas ESTs podem ser utilizadas em ensaios de RFLP para o mapeamento de QTLs. Tendo em vista os avanços que serão alcançados no melhoramento genético da cana-de-açúcar com a exploração das informações contidas nos bancos de dados de ESTs, pretende-se a partir destas sequências, desenvolver marcadores moleculares do tipo RFLP, microssatélites, bem como marcadores específicos para características agronômicas de interesse, via conversão de marcadores RFLPs (hibridizados com sondas ESTs) em marcadores PCR específicos (SCARs, STSs). O desenvolvimento de tais marcadores será integrado a um programa de mapeamento de características qualitativas e quantitativas que vem sendo desenvolvido, empregando uma população F t obtida a partir do cruzamento de duas variedades comerciais de cana-de-açúcar. (AU)