Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos de algodão geneticamente modificado para resistência a insetos em ácaros predadores da família Phytoseiidae

Processo: 04/11755-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2005
Vigência (Término): 14 de setembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Italo Delalibera Júnior
Beneficiário:Fernando Henrique Ibanhes
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:03/00077-1 - Efeitos do algodão geneticamente modificado para resistência a insetos em organismos não-alvo, AP.JP
Assunto(s):Bacillus thuringiensis   Phytoseiidae

Resumo

A clonagem de genes de endotoxinas com atividade inseticida da bactéria Bacillus thuringiensis (Bt) permitiu um desenvolvimento rápido de plantas geneticamente modificadas para resistência a insetos. Espera-se, com os estudos propostos neste projeto, avaliar em laboratório os efeitos potenciais do algodão Bt em uma espécie de ácaro predador generalista e um específico. Os fitoseídeos devem então ser considerados um grupo funcional importante nas análises de risco por serem importantes no controle natural de ácaros fitófagos, pelos riscos potenciais elevados que apresentam devido à exposição direta a estas toxinas quando se alimentam de pólen e exudatos de plantas que contêm as toxinas ativas do Bt e por serem organismos ainda não investigados nas análises de impacto de transgênicos. Inicialmente serão realizados testes de toxicidade aguda em Euseius concordis utilizando-se a proteína Cry8Ea, eficiente contra o bicudo do algodoeiro, Anthonomus grandis. Posteriormente, será medido o impacto direto de algodão Bt na sobrevivência, desenvolvimento, reprodução, preferência e capacidade predatória de Euseius concordis alimentados de pólen de plantas transgênicas e não transgênicas. Outras espécies que não se alimentam de pólen podem ser afetadas indiretamente alimentando-se de presas criadas em plantas Bt O efeito tri-trófico desta modificação genética será investigado pela análise comparativa da tabela de vida de Neoseiulus anonymus alimentados com ácaro fitófago, Tetranychus urticae, criados em plantas Bt. (AU)