Busca avançada
Ano de início
Entree


Expressão de mRNAs, miRNAS e proteínas reguladoras da nefrogênese em ratos programados por restrição proteica in utero

Texto completo
Autor(es):
Letícia de Barros Sene
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Instituição: Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Botucatu).
Data de defesa:
Membros da banca:
Priscylla Tatiana C. G. Okamoto; Guiomar Nascimento Gomes; Ana Paula Coelho Balbi; Bruno Fantinatti
Orientador: Patrícia Aline Boer
Resumo

Tanto a desnutrição proteico-calórica quanto a hipertensão representam problemas globais de saúde pública. Estudos epidemiológicos em diversas populações, bem como resultados experimentais indicam que as condições nutricionais intrauterinas "programam" o desenvolvimento de hipertensão e doença cardíaca coronariana em adultos. A privação de proteína, durante o período ativo de nefrogênese, provoca redução do número de néfrons no momento do nascimento. Assim, a predisposição para hipertensão arterial pode ser determinada, pelo menos em parte, pelo desenvolvimento anormal dos rins. No entanto, não é conhecido os mecanismos que comprometem o processo de nefrogênese. Estudos recentes mostram que o número de células-tronco presentes no cap mesenquimal (CM), em torno da extremidade dos brotos do ureter, determina o número de néfrons que serão formados. Nosso grupo demonstrou anteriormente, redução significativa (27%) do número de néfrons, em prole masculina adulta, proveniente de ratas submetidas à restrição proteica gestacional. O objetivo deste trabalho foi verificar a área, o índice de morte e proliferação celular, a expressão gênica e de miRNAs, número de células positivas para proteínas controladoras do ciclo celular e marcadoras de células tronco progenitoras em metanefros de machos da prole de ratas submetidas à restrição proteica gestacional, comparativamente aos seus controles, em diferentes períodos da ontogênese renal. Ratas Wistar foram alimentadas durante a prenhez com ... (AU)

Processo FAPESP: 12/18492-4 - Estudo comparativo dos efeitos da restrição proteica in útero e da exposição à dexametasona in vitro durante a nefrogênese: avaliação da expressão GÊNICA,de miRNAs,PROTEICA e morfométrica no mesênquima metanefrogênico
Beneficiário:Letícia de Barros Sene
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado