Busca avançada
Ano de início
Entree


Regulação da expressão de proteínas de choque térmico pelo vírus da hepatite C

Texto completo
Autor(es):
Ana Claudia Silva Braga
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Imprenta: São José do Rio Preto. 2017-09-01.
Instituição: Universidade Estadual Paulista (Unesp). Instituto de Biociências Letras e Ciências Exatas. São José do Rio Preto
Data de defesa:
Orientador: Paula Rahal; Bruno Moreira Carneiro
Resumo

O vírus da hepatite C (HCV) causa a doença da Hepatite C e estima-se que cerca de 3% da população mundial esteja infectada com o vírus. A infecção por HCV promove a alteração na expressão de várias proteínas celulares. Estudos têm demonstrado que muitas proteínas de choque térmico (HSPs) possuem um perfil de expressão alterado na presença do vírus e algumas HSPs interagem diretamente com proteínas do HCV. Assim, o presente estudo teve como objetivo avaliar in vitro os níveis de expressão de proteínas de choque térmico na presença e ausência de HCV. Com este propósito, células de hepatoma humano Huh7.5 e células Huh7.5 infectadas com o vírus (HCV JFH-1) foram submetidas à extração de RNA e síntese de cDNA. A expressão diferencial de 84 HSPs e chaperonas foi avaliada por qPCR Array. Os resultados demonstram que cinco genes apresentaram expressão aumentada (em Log2 2), enquanto outros cinco apresentaram expressão reduzida. Para validar estes resultados os 10 genes diferencialmente expressos foram testados por qPCR em três modelos celulares para o HCV: células contendo replicon subgenômico do HCV (SGR-JFH-1), células infectadas com JFH-1 (ambos do genótipo 2a) e células contendo o replicon subgenômico S52 (genótipo 3). O gene HSPB8 mostrou expressão aumentada nos três modelos testados, condizente com os resultados obtidos por qPCR Array. Em seguida, promovemos o silenciamento de HSPB8 e foi observado um aumento na replicação viral. Em contraste, quando aumentamos a expressão de HSPB8, o HCV teve uma diminuição na taxa de replicação. O mesmo procedimento foi adotado para o gene DNAJC5B, validado no modelo viral genótipo 3, e o HCV mostrou padrão de replicação semelhante ao observado para o gene anterior. Esses resultados sugerem que HSPB8 pode atuar como um fator intracelular contra a replicação do vírus da hepatite C e DNAJC5B apresenta a mesma função, mas específico para o genótipo 3. Também avaliamos interações diretas com proteínas do HCV e os resultados demonstraram uma interação física entre a proteína NS4B de HCV e HSPB8. Esses resultados podem contribuir para uma melhor compreensão dos mecanismos envolvidos na replicação do HCV. (AU)

Processo FAPESP: 13/17253-9 - Regulação da expressão de proteínas de choque térmico pelo vírus da hepatite C
Beneficiário:Ana Cláudia Silva Braga
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado