Busca avançada
Ano de início
Entree


Função fagocítica em leucócitos humanos silenciados ou mutados para AIRE.

Texto completo
Autor(es):
Marina Uchôa Wall Barbosa de Carvalho
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Dissertação de Mestrado
Imprenta: São Paulo.
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas
Data de defesa:
Membros da banca:
Antonio Condino Neto; Cristina Maria Kokron; Sonia Jancar Negro
Orientador: Antonio Condino Neto
Resumo

A APECED é uma doença que apresenta autoimunidade e susceptibilidade a Candida albicans. Nosso grupo observou que a proteína AIRE participa da via da Dectina-1, importante contra a C. albicans. Neste projeto, investigamos como a ausência de AIRE influencia em eventos para a eliminação do patógeno via Dectina-1. Assim, avaliamos o burst oxidativo, expressão de moléculas do sistema NADPH oxidase e fagocitose por células de paciente com APECED e células THP-1 silenciadas para AIRE. Não houve diferença no burst oxidativo e na expressão dos componentes do sistema NADPH oxidase por estas células e as células silenciadas fagocitam menos que as células selvagens. Observamos que não há diferença na expressão flavocitocromo b558 e p40phox do paciente comparado ao controle. Em paralelo, mostramos que as células do paciente apresentaram um burst oxidativo e fagocitose diminuídos comparado ao controle. Estes resultados sugerem que há um defeito no reconhecimento via Dectina-1, gerando uma diminuição da fagocitose que pode dificultar sua eliminação. (AU)

Processo FAPESP: 11/02751-8 - Fagocitose e atividade microbicida contra Candida albicans em células THP-1 deficientes para AIRE 1
Beneficiário:Marina Uchôa Wall Barbosa de Carvalho
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado