Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Amphibians found in the Amazonian Savanna of the Rio Curiau Environmental Protection Area in Amapa, Brazil

Título (Português): Anfíbios em Savana Amazônica na Área de Proteção Ambiental do Rio Curiaú, Amapá, Brasil
Texto completo
Autor(es):
Janaina Reis Ferreira Lima ; Jucivaldo Dias Lima ; Soraia Dias Lima ; Raullyan Borja Lima Silva ; Gilda Vasconcellos de Andrade
Número total de Autores: 5
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Biota Neotropica; v. 17, n. 2 2017.
Citações Web of Science: 2
Resumo

Abstract Amphibian research has grown steadily in recent years in the Amazon region, especially in the Brazilian states of Amazonas, Pará, Rondônia, and Amapá, and neighboring areas of the Guiana Shield. Even so, few data are available for the Amazonian savannas of Brazil. To contribute to the understanding of the diversity of the amphibians of these savannas, we surveyed 15 temporary ponds, six located in open areas, seven on the edge of savanna forest, and two within the forest, in the savanna of the Rio Curiaú Environmental Protection Area (EPA) in Macapá, in the state of Amapá, northern Brazil. Sampling occurred from May 2013 to August 2014 during periods when the ponds contained water. Amphibians were sampled through visual and auditory surveys conducted during both the day- and the nighttime periods on seven days each month over a total of 84 days. A total of 1574 individuals belonging to four families, 12 genera, and 28 species were recorded during the surveys. The cumulative species curve reached the asymptote, indicating that sampling effort was adequate. The number of species was 25% higher than that reported in other studies in Amazonian savannas. Twelve species were recorded for the first time in the savanna of Amapá. Lysapsus boliviana was the most common species (n = 332 of the individuals recorded). The greatest amphibian species richness found in the Rio Curiaú EPA was associated with the savanna mosaic, forest patches, lowland swamp, and temporary ponds. The results of this study contribute to the understanding of the diversity of amphibian species in the Guianan area of endemism in northern Brazil, and also the Amazonian savannas. (AU)

Resumo

Resumo Existe um crescimento constante em estudos sobre os anfíbios Amazônicos especialmente nas regiões do Amazonas, Pará, Rondônia, Amapá e outras áreas no Escudo das Guianas. Porém, poucos estudos são realizados em Savana Amazônica no Brasil. Para diminuir esta lacuna, amostramos anfíbios em 15 lagoas temporárias, sendo seis em área aberta, sete com a borda próxima a mata de savana e 2 com borda interna em contato com a mata de savana na Área de Proteção Ambiental (APA) do Rio Curiaú em Macapá no estado do Amapá, norte do Brasil. As amostragens ocorreram de maio de 2013 a agosto de 2014, nos períodos em que as lagoas continham água, sete dias por mês, totalizando 84 dias de amostragem, através de procura visual e auditiva no período diurno e noturno. Os 1574 indivíduos registrados pertenciam a quatro famílias, 12 gêneros e 28 espécies. A curva de acumulação de espécies atingiu a assíntota, indicando que o esforço amostral foi suficiente. O número de espécies foi 25% maior que o registrado nos outros estudos em Savanas Amazônicas. Doze espécies foram registradas pela primeira vez em Savana Amapaense. Lysapsus boliviana contribuiu com o maior número de indivíduos (n=332). A maior riqueza de anfíbios nesta savana foi associada ao mosaico de savana, ilhas de matas de savana, florestas de várzea e lagoas temporárias existentes na APA do Curiaú. Os dados apresentados contribuem para preencher a lacuna de conhecimento para o Centro de Endemismo Guiana no norte do Brasil e em Savana Amazônica. (AU)

Processo FAPESP: 10/52321-7 - Girinos de anuros da Mata Atlântica, da Amazônia, do Pantanal, do cerrado e de zonas de transição: caracterização morfológica, distribuição espacial e padrões de diversidade
Beneficiário:Denise de Cerqueira Rossa-Feres
Linha de fomento: Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Regular