Busca avançada
Ano de início
Entree
(Referência obtida automaticamente do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores.)

Avaliação da curvatura torácica e da presença de dor em mulheres de diferentes faixas etárias

Texto completo
Autor(es):
Reis, Júlia Guimarães ; Costa, Gustavo de Carvalho da [2] ; Trevisan, Deborah Colucci ; Vasconcelos, Fernanda Moura ; Matos, Mariana da Silva ; Abreu, Daniela Cristina Carvalho de
Número total de Autores: 6
Tipo de documento: Artigo Científico
Fonte: Coluna/Columna; v. 8, n. 1, p. 27-31, 2009.
Área do conhecimento: Ciências da Saúde - Medicina
Assunto(s):Ortopedia   Fisioterapia   Doenças da coluna vertebral   Cifose   Postura   Dor
Resumo

Demonstrar a utilização do método flexicurva para avaliação e comparação da cifose torácica em mulheres saudáveis de diferentes faixas etárias, além de detectar se há correlação entre dor e grau de cifose torácica utilizando-se a Escala Visual Analógica (EVA). O estudo foi composto por um grupo de mulheres G1 (n=24), com média de 20,67±1,69 anos e outro grupo G2 (n=24), com média de 65,63 ±8,07 anos, que foram submetidas à avaliação da curvatura torácica, com a utilização do método flexicurva, e dor nas costas, com a EVA. Foi encontrada uma diferença estatisticamente significante no ângulo de cifose torácica no grupo 2 quando comparada ao grupo 1 e uma fraca correlação entre o ângulo de cifose torácica e a classificação da dor pela escala EVA nos grupos 1 e 2. O grupo 1 apresentou um grau de curvatura torácica dentro da normalidade e o grupo 2 apresentou um exacerbado grau de cifose torácica, caracterizando-se como hipercifose. Entretanto, não houve correlação entre dor e grau de cifose torácica em ambos os grupos. (AU)

Processo FAPESP: 07/57685-4 - Efeito do treinamento de força muscular sobre variáveis biomecânicas e estabilidade postural
Beneficiário:Gustavo de Carvalho da Costa
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Mestrado