Busca avançada
Ano de início
Entree

Epidemiologia Genômica de bactérias de interesse médico

Processo: 16/01656-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2018 - 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Epidemiologia
Pesquisador responsável:Enéas de Carvalho
Beneficiário:Enéas de Carvalho
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: ANA LUIZA DE MATTOS GUARALDI ; João Carlos Setubal ; Jose Salvatore Leister Patane ; Maria Cristina de Cunto Brandileone ; Milena Apetito Akamatsu ; Milton Yutaka Nishiyama Junior ; Paulo Lee Ho ; Raphael Hirata Júnior ; Rosemeire Cobo Zanella Ramos ; Sérgio Bokermann
Assunto(s):Genomas  Haemophilus  Streptococcus pneumoniae  Evolução 

Resumo

A Epidemiologia Genômica é uma nova área do conhecimento, com crescente e exponencial presença na literatura científica e nas citações em artigos científicos. Seu principal objetivo é analisar o cenário epidemiológico em escala genômica, trazendo uma nova profundidade informativa para os estudos de epidemiologia, o que pode contribuir para o entendimento da origem, evolução e estruturação das populações de patógenos, assim como contribuir para esclarecer os mecanismos de virulência dos patógenos e questões como o surgimento e a disseminação da resistência antimicrobiana e do escape da pressão vacinal. Em uma união de pesquisadores do Instituto Butantan e do Adolfo Lutz, com a colaboração de pesquisadores da FioCruz, UFRJ e USP, propomos avaliar, através de Epidemiologia Genômica, dois importantes casos epidemiológicos no Brasil: um grave surto de uma doença infecciosa que foi descrita somente no Brasil, a Febre Purpúrica Brasileira, causada pela bactéria Haemophilus aegyptius, que ocorreu no passado, foi amplamente divulgado no mundo científico, e que ainda permanece como um evento não totalmente elucidado e uma análise da população do sorotipo 19A de Streptococcus pneumoniae, antes e após a introdução da vacina PCV10 no Brasil, sorotipo cuja incidência tem aumentado em vários países como provável efeito indesejado do uso de vacinas e antibióticos. Serão sequenciados, até o nível de scaffold, os genomas de 40 isolados clínicos de H. aegyptius e 54 de S. pneumoniae, perfazendo um total de 94 genomas sequenciados. Caracterizaremos as cepas circulantes e as diferenças entre as mesmas, sempre em comparação com genomas depositados em bancos de dados, descrevendo aspectos importantes como conteúdo gênico, estrutura genômica, variações em genes relacionados à virulência, à resistência a antibióticos e ao escape da pressão vacinal, e fazendo inferências sobre o processo evolutivo, filogenético e filogeográfico dessas cepas. Este tipo de monitoramento é importante devido ao fato de as ondas epidemiológicas serem, geralmente, globalmente interligadas e também porque a descrição de padrões epidemiológicos pode representar alertas para a possibilidade de reocorrências destes padrões, que inclusive podem estar ocorrendo sem serem detectados, por falta de informações adequadas. Queremos, com este projeto, gerar um melhor entendimento destes três distintos casos epidemiológicos, produzindo importantes conhecimentos para a área. Além disso, este projeto também tem o potencial de ajudar a inserir o Brasil nesta nova e importante área do conhecimento. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SANTOS, ANA CAROLINA M.; SILVA, ROSA M.; VALIATTI, TIAGO B.; SANTOS, FERNANDA E.; SANTOS-NETO, JOSE E.; CAYO, RODRIGO; STRELING, ANA P.; NODARI, CAROLINA S.; GALES, ANA C.; NISHIYAMA-JR, MILTON Y.; CARVALHO, ENEAS; GOMES, TANIA A. T. Virulence Potential of a Multidrug-ResistantEscherichia coliStrain Belonging to the Emerging Clonal Group ST101-B1 Isolated from Bloodstream Infection. MICROORGANISMS, v. 8, n. 6 JUN 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.