Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da contaminação de chás por contaminantes inorgânicos e hidrocarbonetos policíclicos aromáticos

Resumo

O chá é uma das bebidas mais antigas do mundo, tradicionalmente consumido em função de suas propriedades biológicas, como a atividade antioxidante, conferida pelos polifenóis. Contudo estudos têm relatado a presença de substâncias potencialmente tóxicas em chás, como os contaminantes inorgânicos e os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPAs). Uma vez que o consumo de chás vem crescendo no Brasil e dados quanto a qualidade do produto comercializado internamente ainda são escassos, este projeto tem como objetivo desenvolver e validar metodologias analíticas para determinação de contaminantes inorgânicos e HPAs em chás e avaliar a presença desses compostos em produtos comercializados no Brasil. Sendo que no caso do arsênio também serão realizadas análises de especiação. Adicionalmente serão feitos estudos de estimativas de ingestão destes contaminantes, de forma a avaliar a segurança deste tipo de alimento. Os contaminantes serão analisados por meio de espectrometria de massas com fonte de plasma com acoplamento indutivo (ICP-MS) e cromatografia líquida de alta eficiência com detecção por fluorescência. O projeto prevê, também, o desenvolvimento de uma nova linha de pesquisa relacionada à especiação de arsênio usando a técnica de LC-ICP-MS. Este estudo é de grande importância visto que alguns metais pesados podem ser, ao longo do tempo, acumulados no organismo, sendo que tanto os contaminantes inorgânicos como alguns HPAs podem apresentar potencial carcinogênico. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MILANI, RAQUEL FERNANDA; SILVESTRE, LETICIA KIS; MORGANO, MARCELO ANTONIO; CADORE, SOLANGE. Investigation of twelve trace elements in herbal tea commercialized in Brazil. JOURNAL OF TRACE ELEMENTS IN MEDICINE AND BIOLOGY, v. 52, p. 111-117, 2019. Citações Web of Science: 1.
MILANI, RAQUEL FERNANDA; DE PAIVA, ESTHER LIMA; PERON, LEANDRO IAGE; MORGANO, MARCELO ANTONIO; CADORE, SOLANGE. Arsenic species in herbal tea leaves and infusions determination by HPLC-ICP-MS. LWT-FOOD SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 98, p. 606-612, DEC 2018. Citações Web of Science: 3.
TFOUNI, SILVIA A. V.; REIS, RAQUEL M.; KAMIKATA, KAMILLE; GOMES, FERNANDA M. L.; MORGANO, MARCELO A.; FURLANI, REGINA P. Z. Polycyclic aromatic hydrocarbons in teas using QuEChERS and HPLC-FLD. FOOD ADDITIVES & CONTAMINANTS PART B-SURVEILLANCE, v. 11, n. 2, p. 146-152, 2018. Citações Web of Science: 4.
MILANI, RAQUEL F.; MORGANO, MARCELO A.; CADORE, SOLANGE. Trace elements in Camellia sinensis marketed in southeastern Brazil: Extraction from tea leaves to beverages and dietary exposure. LWT-FOOD SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 68, p. 491-498, MAY 2016. Citações Web of Science: 13.
MILANI, RAQUEL F.; MORGANO, MARCELO A.; SARON, ELISABETE S.; SILVA, FABIO F.; CADORE, SOLANGE. Evaluation of Direct Analysis for Trace Elements in Tea and Herbal Beverages by ICP-MS. Journal of the Brazilian Chemical Society, v. 26, n. 6, p. 1211-1217, JUN 2015. Citações Web of Science: 15.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.