Busca avançada
Ano de início
Entree

Different Resistance-Training Regimens Evoked a Similar Increase in Myostatin Inhibitors Expression

Resumo

O objetivo do presente estudo foi investigar o efeito de diferentes protocolos de treinamento de força (F ou P) sobre a expressão de genes relacionados com a via de sinalização MSTN em homens fisicamente ativos. 29 indivíduos do sexo masculino com pelo menos 2 anos de experiência em treinamento de força foram divididos em um grupo de treinamento de força (F; n = 11) ou um grupo de treinamento de potência (P; n = 11). O grupo controle (C; n = 7) foi composta por homens saudável fisicamente ativos. Ambosos grupos P e S realizaram agachamentos de alta e baixa intensidade, respectivamente, 3 vezes por semana, durante 8 semanas. As biópsias musculares do músculo vasto lateral foram coletadas antes e após o período de treinamento. Nenhuma mudança foi observada na expressão cênica da MSTN, ACTIIB, GASP-1 e FOXO-3A após o período de treinamento. Um aumento semelhante da expressão de genes das proteínas inibidoras da via de sinalização MSTN, FLST e FL-3 (~ 5,5 vezes de indução, p <0,01), foi detectado após o período de treinamento. A expressão da SMAD-7 foi igualmente aumentada após ambos os protocolos de treinamento (S, ~ 2,5 indução vezes; P, ~ 2,8 indução vezes; p <0,05). Em conclusão, os esquemas de treinamento de força (F e P) ativaram a expressão de inibidores da via de sinalização MSTN de modo semelhante. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)