Busca avançada
Ano de início
Entree

Busca de possíveis associações de polimorfismos do gene AA-NAT com os diferentes cronotipos em uma amostragem da população brasileira

Processo: 06/58105-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2007
Vigência (Término): 31 de agosto de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Geral
Pesquisador responsável:Sergio Tufik
Beneficiário:Bruna Del Vechio Koike
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:98/14303-3 - Center for Sleep Studies, AP.CEPID
Assunto(s):Melatonina   Polimorfismo genético   Sono

Resumo

A ritmicidade da melatonina é essencial para modular a função do sistema de temporização no núcleo supraquiasmático e requiar o ciclo sono/vigília. Em sua síntese, a partir da serotonina, estão envolvidas duas enzimas: a AA-NAT e a HIOMT. Alterações nos genes dessas enzimas podem exercer algum papel na velocidade e na quantidade de melatonina sintetizada, podendo desta forma influenciar a temporalidade da curva de síntese e a quantidade de melatonina disponível no organismo, resultando nas diferenças dos perfis de melatonina apresentados nos diferentes cronotipos e em distúrbios de ritmos circadianos. Alguns polímorfismos do gene Aa-nat já foram encontrados e relacionados com padrões de matutinidade e vespertinidade. O polimorfismo -263 C/G do gene Aa-nat numa amostra da população japonesa mostrou associação com a Síndrome Fase Atrasada do Sono (SFAS). O mesmo polimorfismo foi estudado numa amostra da população brasileira e não foi observada a presença significante deste polimorfismo nessa população, nem associação com a SFAS. Portanto é importante verificar a presença e a freqüência de polimorfismos existentes no gene enzima Aa-nat em diferentes etnias para podermos verificar a influência que eles exerçam na curva de temporização da melatonina e na ritmicidade circadiana. Neste projeto, pretendemos buscar polimorfismos e possíveis mutações no gene da Aa-nat e associá-los com padrões cronobiológicos de matutinidade e vespertinidade em uma amostra da população brasileira. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.