Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do treinamento fisico na resposta autonomica e sua correlacao com a inflamacao pulmonar em pacientes com asma persistente moderada ou grave.

Processo: 07/56937-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2008
Vigência (Término): 31 de julho de 2009
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Celso Ricardo Fernandes de Carvalho
Beneficiário:Felipe Augusto rodrigues Mendes
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Asma   Pneumonia   Treinamento físico

Resumo

A prevalência da asma está aumentando no mundo, o que está fazendo da asma cada vez mais um importante problema de saúde pública. O Brasil está entre os países de elevada prevalência dessa doença, que tem grande impacto econômico e importante interferência na qualidade de vida. A sua patogenia tem como base uma inflamação pulmonar crônica associada a uma disfunção do SNA com predomínio do sistema nervoso parassimpático. O exercício físico tem hoje um papel importante na reabilitação desses sujeitos, porém alguns mecanismos dessa melhora necessitam de maiores embasamentos. Objetivos: avaliar a efetividade de um programa de treinamento físico aeróbio na inflamação pulmonar e VFC e avaliar a possível existência de uma relação entre a inflamação pulmonar e a VFC de pacientes adultos com asma persistente moderada ou grave. Casuística e Métodos: Serão estudados 40 adultos divididos aleatoriamente em dois grupos: treinado (n=20) e controle (n=20). Os pacientes do grupo controle (GC) serão submetidos a um programa educacional e a um programa de exercícios respiratórios. Os pacientes do grupo treinado (GT) serão submetidos a todos os procedimentos do grupo controle e a um programa de condicionamento físico aeróbio. No início e no fim do programa de treinamento físico todos os pacientes realizarão uma prova de função pulmonar, um teste cardiopulmonar de esforço, escarro induzido e a análise da VFC. Para a análise estatística serão utilizados os testes de normalidade de Kolmogorov-Smirnov, Análise de Variância (ANOVA) de um fator, teste pos hoc de Bonferroni e o teste correlação de Sperman's. O nível de significância foi ajustado para 5% (p<0,05) para todos os testes. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RODRIGUES MENDES, FELIPE A.; TEIXEIRA, RENATA NAKATA; MARTINS, MILTON A.; CUKIER, ALBERTO; STELMACH, RAFAEL; MEDEIROS, WLADIMIR MUSETTI; CARVALHO, CELSO R. F. The relationship between heart rate and VO2 in moderate-to-severe asthmatics. JOURNAL OF ASTHMA, JULY 2019. Citações Web of Science: 0.
MENDES, FELIPE A. R.; LUNARDI, ADRIANA C.; SILVA, RONALDO A.; CUKIER, ALBERTO; STELMACH, RAFAEL; MARTINS, MILTON A.; CARVALHO, CELSO R. F. Association between Maximal Aerobic Capacity and Psychosocial Factors in Adults With Moderate-to-Severe Asthma. JOURNAL OF ASTHMA, v. 50, n. 6, p. 595-599, AUG 2013. Citações Web of Science: 6.
MENDES, FELIPE A. R.; GONCALVES, RAQUEL C.; NUNES, MARIA P. T.; SARAIVA-ROMANHOLO, BEATRIZ M.; CUKIER, ALBERTO; STELMACH, RAFAEL; JACOB-FILHO, WILSON; MARTINS, MILTON A.; CARVALHO, CELSO R. F. Effects of Aerobic Training on Psychosocial Morbidity and Symptoms in Patients With Asthma A Randomized Clinical Trial. CHEST, v. 138, n. 2, p. 331-337, AUG 2010. Citações Web of Science: 88.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MENDES, Felipe Augusto rodrigues. Efeito do treinamento físico nos aspectos psicossociais, modulação autonômica e inflamação pulmonar em pacientes com asma persistente moderada ou grave. 2010. 74 f. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.