Busca avançada
Ano de início
Entree

Genômica funcional da interação entre Rhipicephalus (Boophilus) microplus e Anaplasma marginale

Processo: 11/22124-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 04 de fevereiro de 2012
Vigência (Término): 03 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores
Pesquisador responsável:Sirlei Daffre
Beneficiário:Thaís Duarte Bifano
Supervisor no Exterior: Massaro Wilson Ueti
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Washington State University (WSU), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:10/50940-1 - Estudo de genes relacionados ao sistema imunológico do carrapato Rhipicephalus (Boophilus) microplus modulados pela riquétsia Anaplasma marginale, BP.PD
Assunto(s):Bioquímica   Interações hospedeiro-patógeno   Anaplasma marginale   Rhipicephalus

Resumo

A bactéria patogênica Anaplasma marginale tem como alvo primário as células intestinais do carrapato Rhipicephalus (Boophilus) microplus para o estabelecimento da infecção no vetor. Após a multiplicação das bactérias no intestino ocorre a migração, destas através da hemocele para as glândulas salivares. A transmissão das bactérias para o bovino ocorre a partir da saliva durante a alimentação do carrapato. As respostas moleculares e celulares do R. (B.) microplus à infecção por A. marginale são insuficientemente entendidas, mas é razoável considerar que a adaptação entre estas duas espécies pode ter levado aos carrapatos desenvolverem defesas contra a infecção bacteriana. Por esse motivo, é racional assumir que os genes do R. (B.) microplus que têm sua expressão modulada durante a infecção por A. marginale podem desempenhar um papel no controle dos patógenos. Neste contexto, o foco deste projeto é verificar a importância de alguns genes do carrapato na aquisição e na transmissão da A. marginale para o hospedeiro bovino através da técnica de RNA de interferência (RNAi). Para a identificação destes genes foram utilizadas duas abordagens: uma análise proteômica diferencial utilizando-se cromatografia líquida bidimensional acoplada à espectrometria de massas (2D LC-MS/MS) e uma análise do transcriptoma obtido a partir de duas bibliotecas subtrativas de cDNA. Em ambas as técnicas, foram utilizadas células BME26 infectadas e não infectadas por A. marginale. Dentre os candidatos, foram selecionados genes que participam de processos biológicos relacionados com homeostase redox, destoxificação, transporte de íons e tráfico vesicular. Os resultados obtidos contribuirão para o entendimento da interface A. marginale- R. (B.) microplus, fornecendo conhecimento para o desenvolvimento de uma vacina que bloqueie a transmissão deste patógeno (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROSA, RAFAEL D.; CAPELLI-PEIXOTO, JANAINA; MESQUITA, RAFAEL D.; KALIL, SANDRA P.; POHL, PAULA C.; BRAZ, GLORIA R.; FOGACA, ANDREA C.; DAFFRE, SIRLEI. Exploring the immune signalling pathway-related genes of the cattle tick Rhipicephalus microplus: From molecular characterization to transcriptional profile upon microbial challenge. DEVELOPMENTAL AND COMPARATIVE IMMUNOLOGY, v. 59, p. 1-14, JUN 2016. Citações Web of Science: 14.
BIFANO, THAIS D.; UETI, MASSARO W.; ESTEVES, ELIANE; REIF, KATHRYN E.; BRAZ, GLORIA R. C.; SCOLES, GLEN A.; BASTOS, REGINALDO G.; WHITE, STEPHEN N.; DAFFRE, SIRLEI. Knockdown of the Rhipicephalus microplus Cytochrome c Oxidase Subunit III Gene Is Associated with a Failure of Anaplasma marginale Transmission. PLoS One, v. 9, n. 5 MAY 30 2014. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.