Busca avançada
Ano de início
Entree

Morfologia comparada e importância sistemática dos mixopterígios em Batoidea (Chondrichthyes: Elasmobranchii)

Processo: 13/12434-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2014
Vigência (Término): 30 de setembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Mônica de Toledo-Piza Ragazzo
Beneficiário:Renan Andrade Moreira
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):15/10942-9 - Anatomia comparada dos órgãos copuladores de Batoidea (Chondrichthyes: Elasmobranchii), BE.EP.DR
Assunto(s):Batoidea   Chondrichthyes   Morfologia animal

Resumo

A superordem Batoidea é fortemente corroborada como monofilética, com cerca de 650 espécies viventes, sendo a superordem mais diversa dentre os Chondrichthyes. O órgão copulador duplo, conhecido como mixopterígio, é uma das sinapomorfias de Chondrichthyes. O mixopterígio de Batoidea, com exceção de Rajidae, não foi amplamente analisado do ponto de vista comparativo, sendo o conhecimento restrito a descrições isoladas de alguns táxons. O vasto conhecimento do mixopterígio de rajídeos evidencia a grande importância da estrutura em estudos de taxonomia e filogenia, com muitos táxons definidos principalmente baseados na anatomia e morfologia dos componentes que formam o órgão copulador. Os demais grupos carecem de estudos comparativos como feitos para Rajidae. Devido à importância sistemática do mixopterígio em Rajidae, o presente projeto tem como objetivo descrever as estruturas internas e externas que compõem o órgão copulador dos membros das famílias de Batoidea, identificar possíveis padrões anatômicos que caracterizam grupos taxonômicos e testar o monofiletismo da superordem Batoidea e de seus principais grupos. A terminologia utilizada para os componentes do órgão copulador é praticamente toda baseada na família Rajidae, sendo necessária uma revisão abordando os demais grupos de raias e seus táxons proximamente relacionados. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MOREIRA, RENAN A.; DE CARVALHO, MARCELO R. Clasper Morphology of the Japanese Sawshark, Pristiophorus japonicus Gunther, 1870 (Chondrichthyes: Elasmobranchii). Anatomical Record-Advances in Integrative Anatomy and Evolutionary Biology, v. 302, n. 9, p. 1666-1670, SEP 2019. Citações Web of Science: 0.
MOREIRA, RENAN A.; GOMES, ULISSES L.; DE CARVALHO, MARCELO R. Systematic implications of the caudal fin skeletal anatomy in ground sharks, order Carcharhiniformes (Chondrichthyes: Elasmobranchii). ZOOLOGICAL JOURNAL OF THE LINNEAN SOCIETY, v. 185, n. 1, p. 193-211, JAN 2019. Citações Web of Science: 1.
MOREIRA, RENAN A.; DE CARVALHO, MARCELO R. Morphology of the clasper musculature in rays (Chondrichthyes; Elasmobranchii: Batoidea), with comments on their phylogenetic interrelationships. Journal of Morphology, v. 279, n. 12, p. 1827-1839, DEC 2018. Citações Web of Science: 0.
DE MOREIRA, RENAN A.; LOBODA, THIAGO S.; DE CARVALHO, MARCELO R. Comparative anatomy of the clasper of the subfamily Potamotrygoninae (Chondrichthyes: Myliobatiformes). Journal of Morphology, v. 279, n. 5, p. 598-608, MAY 2018. Citações Web of Science: 1.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MOREIRA, Renan Andrade. Morfologia comparada do órgãos copuladores de Batoidea (Chondrichthyes: Elasmobranchii). 2017. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.