Busca avançada
Ano de início
Entree

Fatores de risco relacionados à perda de produtividade laboral e aumento dos custos ambulatoriais de pacientes atendidos por unidades básicas de saúde

Processo: 15/20458-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 04 de março de 2016
Vigência (Término): 04 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Educação Física
Pesquisador responsável:Jamile Sanches Codogno
Beneficiário:Jamile Sanches Codogno
Anfitrião: Nana Kwame Anokye
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Local de pesquisa : Brunel University, Inglaterra  
Assunto(s):Sistema Único de Saúde   Saúde pública

Resumo

A inatividade física e a presença da obesidade, dentre outros fatores de risco para a saúde têm sido responsáveis pelo surgimento de inúmeras doenças crônicas e, consequentemente, pelo aumento dos gastos com saúde. Dessa forma, o objetivo da presente pesquisa será analisar se existe associação entre agregação de fatores/comportamentos de risco a saúde e perda de produtividade laboral e aumento dos custos com saúde em adultos atendidos no SUS. Para tanto, no mínimo 200 pacientes serão convidados a fazer parte da pesquisa e serão avaliados quanto: i) custos com tratamento, ii) perda de produtividade, iii) adiposidade corporal; iv) nível de atividade física, vi) sono, vii) dor, viii) consumo de álcool, ix) tabagismo, x) condição econômica, xi) histórico de doenças, xii) indicadores metabólicos. As variáveis serão agregadas para constituir uma única variável de risco, assim, a amostra será subdividida em quatro grupos: (i) nenhum comportamento/fator de risco, (ii) 1-2 comportamentos/fatores de risco, (iii) 3-4 comportamentos/fatores de risco e (iv) 5-6 comportamentos/fatores de risco. A análise estatística será composta pela análise de covariância (ANCOVA) que estabelecerá comparações de custo com saúde e perda de produtividade (em moeda corrente) entre os grupos formados. Para os dados categóricos, será utilizado o teste qui-quadrado para analisar associações e a regressão logística como modelo multivariado. Em todas as análises, a significância estatística (p-valor) será pré-fixada em valores inferiores a 5%. O software utilizado será o BioEstat (versão 5.0).

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BRUNA CAMILO TURI; JAMILE SANCHES CODOGNO; FLÁVIA MORI SARTI; NANA KWAME ANOKYE; RÔMULO ARAÚJO FERNANDES; HENRIQUE LUIZ MONTEIRO. Determinants of outpatient expenditure within primary care in the Brazilian National Health System. São Paulo Medical Journal, v. 135, n. 3, p. -, Jun. 2017.
CASTANHO ARAUJO, MONIQUE YNDAWE; SARTI, FLAVIA MORI; FERNANDES, ROMULO ARAUJO; MONTEIRO, HENRIQUE LUIZ; TURI, BRUNA CAMILO; ANOKYE, NANA; CODOGNO, JAMILE SANCHES. Association Between Costs Related to Productivity Loss and Modified Risk Factors Among Users of the Brazilian National Health System. JOURNAL OF OCCUPATIONAL AND ENVIRONMENTAL MEDICINE, v. 59, n. 3, p. 313-319, MAR 2017. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.