Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do tratamento com óleo de peixe sobre as disfunções metabólicas e endócrinas de adipócitos isolados de animais com síndrome metabólica

Processo: 17/08582-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2017
Vigência (Término): 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Maria Isabel Cardoso Alonso-Vale
Beneficiário:Roberta Dourado Cavalcante da Cunha de Sá
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Lipólise   Resistência à insulina   Inflamação   Obesidade

Resumo

O sobrepeso e a obesidade estão associados a distúrbios metabólicos como resistência à insulina, dislipidemias, hipertensão arterial, entre outros, que resultam na síndrome metabólica. O estilo de vida cada vez mais sedentário e a transição da dieta para alimentos hipercalóricos, ricos em gorduras saturadas e açucares simples, transformou a obesidade em um problema de saúde mundial. De fato, o rápido aumento da prevalência de excesso de peso é sugestivo de que os componentes comportamentais e ambientais sejam os principais responsáveis pela epidemia, destacando-se a dieta e a inatividade física. É sabido que o desequilíbrio energético entre o consumo e o gasto de calorias leva ao acúmulo anormal ou excessivo de gordura. A distribuição do tecido adiposo branco (TAB) é um importante fator para os riscos decorrentes da obesidade. A obesidade por sua vez, leva à disfunção do TAB, sendo caracterizado pela hipertrofia dos adipócitos, com alterações das suas atividades metabólicas e endócrinas, bem como alteração do perfil de células imunes presentes no estroma alterando a secreção de adipocinas. O consumo de óleo de peixe (OP) apresenta-se com efeitos benéficos quanto às alterações causadas pela obesidade. Estes efeitos são atribuídos à alta concentração de ácidos graxos poliinsaturadosÉ-3 (AG É-3) presentes no óleo de peixe. O objetivo do presente trabalho será o de investigar os efeitos do tratamento com OP sobre as disfunções metabólicas e endócrinas de adipócitos isolados de animais com obesidade e síndrome metabólica, com ênfase na resposta diferencial dos depósitos adiposos subcutâneo (região inguinal) e visceral (região retroperitoneal). Serão utilizados camundongos C57Bl/6j machos de 8 semanas, que serão induzidos à obesidade através da ingestão (durante 8 semanas) de uma dieta hiperlipídica (HL) (59% de lipídeos). Posteriormente, estes animais serão tratados com o OP (2 g/Kg p.c., por gavagem diária), por 4 semanas. Serão analisados a massa corpórea, a ingestão alimentar, a adiposidade, o teste de tolerância à Insulina (ITT) e tolerância à glicose (GTT), assim como parâmetros bioquímicos plasmáticos (glicemia e perfil lipídico). Com os adipócitos isolados dos tecidos subcutâneo inguinal e visceral retroperitoneal, serão avaliados a hipertrofia, a expressão gênica e proteica de adipocinas envolvidas na resposta inflamatória e na resistência à insulina sistêmica e tecidual (leptina, resistina, IL-6, adiponectina e TNF-±), a captação da glicose(na presença e ausência de insulina), a expressão gênica e proteica do transportador de glicose do tipo 4 (GLUT-4), o conteúdo e a fosforilação da proteína quinase B (AKT), a síntese de triacilgliceróis (TAG) a partir de ácidos graxos(mediante o teste de captação e incorporação de oleato em TAG, bem como a expressão gênica das enzimas LPL, GPAT, lipina e DGAT, envolvidas neste processo), a síntese de ácidos graxos a partir de acetato (bem como a expressão gênica das enzimas FAS e ACC1, envolvidas neste processo) a lipólise (na presença ou ausência de isoproterenol, bem como a expressão gênica das enzimas ATGL, HSL e perilipina, envolvidas neste processo. Assim, o presente estudo visa contribuir na elucidação do papel dos AG É-3 no tratamento da obesidade, síndrome metabólica e disfunção (metabólica e endócrina) de adipócitos isolados, induzida em camundongos por dieta HL.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.