Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise funcional de CsMAF1, um repressor da RNA polimerase III envolvida no controle do crescimento celular e resposta a patógeno em plantas

Processo: 17/18570-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2017
Vigência (Término): 30 de novembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Celso Eduardo Benedetti
Beneficiário:Maxuel de Oliveira Andrade
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/20468-1 - Modelos biológicos de interação planta-patógeno para o entendimento de mecanismos de patogenicidade e adaptação de fitobactérias, respostas de defesa e desenvolvimento de doença em citros, AP.TEM
Assunto(s):Cancro (doença de planta)   Transdução de sinais   Interação planta-patógeno

Resumo

Bactérias fitopatogênicas desenvolveram múltiplas estratégias para infectar, colonizar e causar doença em plantas. Xanthomonas citri pv citri (Xcc) agente causal do cancro cítrico, utiliza o sistema secretório tipo 3 para injetar proteínas efetoras da família PthA para o interior da célula vegetal. Tais proteínas funcionam como fatores de transcrição ativando genes que irão contribuir para o crescimento da bactéria e desenvolvimento da doença. Além da ativação de genes alvos na planta, verificou-se que a proteína PthA4, necessária para induzir crescimento e divisão celular em citros, interage com a proteína CsMaf1 de citros. CsMaf1 é um repressor da RNA polimerase (Pol) III e regulador negativo do crescimento celular. Trabalhos anteriores do grupo mostraram que CsMaf1 inibe o crescimento celular durante o desenvolvimento do cancro cítrico e que a mesma é regulada pelas quinases PKA e TOR, as quais controlam proliferação celular e resposta imune em plantas. Além disso, verificou-se que o hormônio auxina inibe a interação de CsMaf1 com a Pol III no nucléolo. Uma vez que auxina é o principal hormônio vegetal que controla crescimento e divisão celular em plantas, e foi mostrado potencializar os sintomas do cancro cítrico, essa proposta tem como objetivo principal elucidar a via de sinalização da auxina e quinase TOR que converge para a fosforilação e consequente inativação de CsMaf1. Pretendemos, pois, analisar modificações pós-traducionais como fosforilação e sumoilação na proteína CsMaf1 que devem regular sua interação com o efetor PthA4 e com subunidades da RNA Pol III. Além disso, pretendemos identificar proteínas de citros que seriam sumoiladas ou ubiquitinadas em resposta à infecção com bactérias do cancro cítrico em interações compatível e incompatível. Acreditamos que o trabalho irá contribuir de forma significativa para o melhor entendimento da via de sinalização da auxina e quinase TOR que integra sinais celulares que levam ao crescimento e proliferação celular em plantas.