Busca avançada
Ano de início
Entree


Efeito da derivação gástrica em Y de Roux sobre o fígado de filhotes de pais obesos pela dieta de cafeteria = Effect of Roux-En-Y gastric bypass on liver of male offspring of cafeteria obese rats

Texto completo
Autor(es):
Mariana Carla Mendes
Número total de Autores: 1
Tipo de documento: Tese de Doutorado
Instituição: Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia
Data de defesa:
Resumo

A obesidade consiste em um importante problema de saúde pública com alta prevalência na população adulta assim como, na população infanto-juvenil. Evidências indicam que a nutrição e o metabolismo materno podem alterar, de forma estável, o fenótipo dos filhos, um fenômeno denominado de "programação fetal". Pesquisas tem direcionado o foco para o pai, demonstrando que a obesidade paterna, além de aumentar o índice de massa corpórea na infância e na fase adulta, aumenta os riscos de desenvolvimento de co-morbidades relacionadas a esta síndrome. A obesidade e suas co-morbidades podem ser revertidas e, mesmo, evitadas, nos pais e nos filhos com a redução do peso corporal. A cirurgia bariátrica está entre os tratamentos mais eficazes e que oferecem resultados aceitáveis na perda de peso e redução dos riscos provenientes da obesidade. Dentre os procedimentos cirúrgicos, a derivação gástrica em Y de Roux (DGYR) é uma das técnicas mais efetivas para o tratamento de pacientes obesos diabéticos. Porém, até o presente momento, não existem estudos demonstrando se a perda de peso e a melhora metabólica, após cirurgia bariátrica paterna, podem prevenir os efeitos deletérios da obesidade sobre parâmetros metabólicos dos filhos. Dessa forma o objetivo do nosso trabalho foi avaliar o efeito da cirurgia bariátrica DGYR paterna sobre o fígado dos filhotes aos 30 dias de vida. Para isso, ratos Wistar, com 60 dias de idade, receberam dieta de cafeteria (CAF) por 10 semanas e então foram submetidos à cirurgia DGYR (CAF DGYR) ou pseudo-cirurgia (CAF PC). Após 10 semanas de cirurgia, os machos cruzaram com fêmeas controle para a obtenção dos filhtoes. Durante a eutanásia, o sangue foi coletado para analisar a glicemia, insulinemia, trigliceridemia e colesterolemia de jejum. Além disso, fragmentos do fígado foram retirados para realizar análise do acúmulo de lipídios hepático, expressão gênica, e análise histológica do tecido. A prole (apenas machos) foi alimentada com uma dieta controle e eutanasiada com 30 dias de vida, sendo então realizada as mesmas análises descritas acima. Como já está descrito na literatura, nos pais, a cirurgia bariátrica foi eficaz em reduzir o peso corporal dos animais bem como o acúmulo de gordura corporal, além do consumo alimentar. Além disso, a cirurgia bariátrica melhorou o acúmulo hepático de gordura e diminuiu a expressão de genes relacionado com o processo de lipogêse de novo. Surpreendetemente, os filhotes dos pais submetidos à DGYR aos 30 dias de vida, apesar de apresentarem maior peso corporal, mostraram menor triglicerídeos e colesterol sérico e hepático quando comparados aos filhotes de pais submetidos a PC. Em conclusão filhotes de pais submetidos à cirurgia bariátrica DGYR, aos 30 dias de vida, apresentam melhora no metabolismo lipídico hepático (AU)

Processo FAPESP: 15/11304-6 - Homeostase glicêmica e lipídica da prole de ratos obesos submetidos à derivação gástrica em y de roux
Beneficiário:Mariana Carla Mendes Brandão
Linha de fomento: Bolsas no Brasil - Doutorado