Busca avançada
Ano de início
Entree

ELETRODOS FLEXÍVEIS DE PLATINA UTILIZADOS COMO BIOSSENSORES ELETROQUÍMICOS PARA DETERMINAÇÃO DE BIOMARCADORES RELACIONADOS AO MAL DE PARKINSON E MÉTODO DE FABRICAÇÃO

Tipo de documento:Patente
Inventor(es): BRUNO CAMPOS JANEGITZ / GABRIELA CAROLINA MAURUTO DE OLIVEIRA / JEFFERSON HENRIQUE DE SOUZA CARVALHO / LAÍS CANNIATTI BRAZACA / NIRTON CRISTI SILVA VIEIRA
Depositante: Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)
Data do depósito: 29 de maio de 2020
Registro INPI:
BR1020200109790
IPC: G01N 27/327 H01M 4/04 G01N 33/543 H01M 4/38 H01M 4/92
Resumo

ELETRODOS FLEXÍVEIS DE PLATINA UTILIZADOS COMO BIOSSENSORES ELETROQIÍMICOS PARA DETERMINAÇÃO DE BIOMARCADORES RELACIONADOS AO MAL DE PARKINSON E MÉTODO DE FABRICAÇÃO. O presente documento pertence ao campo da química e biotecnologia. A presente inovação refere-se ao desenvolvimento de sensores e imunossensores baseados em eletrodos flexíveis de platina para a determinação de biomarcadores relacionados ao Mal de Parkinson. Para a detecção do neurotransmissor dopamina, técnicas voltamétricas foram aplicadas, sendo que a voltametria de onda quadrada (SWV) apresentou a melhor performance entre os métodos testados. Para a detecção da proteína deglicase DJ-1 (PARK7/DJ-1), por sua vez, anticorpos específicos contra a proteína foram imobilizados na superfície do eletrodo e a técnica de espectroscopia de impedância eletroquímica (EIS) foi utilizada. Os dispositivos desenvolvidos foram capazes de determinar os analitos de maneira simples, rápida e precisa mesmo em amostras complexas (soro e urina sintéticas). Além disso, sua faixa de trabalho inclui as concentrações usualmente encontradas em amostras humanas, garantindo seu potencial de aplicação para auxílio de diagnóstico da doença de maneira simples, rápida e de baixo custo.


Processo FAPESP: 17/17572-8 - Desenvolvimento de imunossenssor e sensor eletroqúimico para detecção de analitos de caráter clínico
Beneficiário:Gabriela Carolina Mauruto de Oliveira
Pesquisador responsável:Bruno Campos Janegitz
Instituição: Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Centro de Ciências Agrárias (CCA)
Modalidade de apoio: Bolsas no Brasil - Mestrado

Processo FAPESP: 18/07508-3 - Explorando as propriedades elétricas e ópticas de derivados de grafeno para detecção de cianotoxinas
Beneficiário:Nirton Cristi Silva Vieira
Pesquisador responsável:Nirton Cristi Silva Vieira
Instituição: Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São José dos Campos. Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT)
Modalidade de apoio: Auxílio à Pesquisa - Regular

Processo FAPESP: 18/19750-3 - Explorando a detecção C4D para o desenvolvimento de biossensores microfluídicos inovadores e de baixo custo
Beneficiário:Laís Canniatti Brazaca
Pesquisador responsável:Emanuel Carrilho
Instituição: Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Química de São Carlos (IQSC)
Modalidade de apoio: Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado

Processo FAPESP: 17/21898-6 - Novos dispositivos condutores para aplicação em sensores e biossensores eletroquímicos
Beneficiário:Bruno Campos Janegitz
Pesquisador responsável:Bruno Campos Janegitz
Instituição: Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Centro de Ciências Agrárias (CCA)
Modalidade de apoio: Auxílio à Pesquisa - Regular

Processo FAPESP: 17/21097-3 - Interações abelha-agricultura: perspectivas para a utilização sustentável
Beneficiário:Osmar Malaspina
Pesquisador responsável:Osmar Malaspina
Instituição: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Instituto de Biociências (IB)
Modalidade de apoio: Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Temático

Processo FAPESP: 19/04085-7 - Sensores descartáveis e flexíveis utilizando polietileno tereftalato (PET) e uma nova tinta condutora para a detecção de estriol em amostras ambientais e farmacêuticas
Beneficiário:Jefferson Henrique de Souza Carvalho
Pesquisador responsável:Bruno Campos Janegitz
Instituição: Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Centro de Ciências Agrárias (CCA)
Modalidade de apoio: Bolsas no Brasil - Iniciação Científica